Confiança do comércio retoma queda em maio

O Índice de Confiança do Comércio (ICOM) da FGV retomou a tendência de queda, iniciada no fim de 2014, após ter apresentado uma aparente trégua em abril. Em maio a variação do índice de confiança foi de -0,3% na comparação mensal dos dados dessazonalizados, na mesma base de comparação, o resultado do Índice da situação atual retraiu 7,9% e o Índice de expectativas apontou uma perspectiva melhor para o futuro, com alta de 4,1%.

As pontuações do Índice de confiança do comércio, Índice para a situação atual e Índice de expectativas mantiveram-se abaixo da média histórica (123,5 pontos), registrando 92,0, 61,8 e 122,2 pontos, respectivamente.

Na série original, sem ajustes, foi observada queda de 20,6% na comparação interanual. Mantida a base de comparação, o Índice da situação atual caiu 33,9% e o índice de expectativas recuou 12,4%.

A nova retração reflete a desconfiança dos comerciantes no atual cenário macroeconômico. Fatores como o desaquecimento do mercado de trabalho, alta inflação e redução da demanda por crédito prejudicam as vendas do varejo e uma melhora significativa será observada apenas quando forem concluídos os ajustes em curso.

O gráfico abaixo resume a evolução da confiança do comércio sem ajuste sazonal desde maio de 2011.

icom]

Posts relacionados

Demanda por Crédito do Consumidor cai 0,7% no 1º semestre, segundo Boa Vista SCPC

A Demanda por Crédito do Consumidor caiu 0,7% no 1º semestre de 2017, em comparação ao 1º semestre de 2016, de acordo com dados nacionais da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). Na avaliação interanual, junho apresentou estabilidade nos dados, enquanto nos valores acumulados em 12 meses (julho de 2016 até junho…

Movimento do Comércio cai 3,2% no 1º semestre, diz Boa Vista SCPC

O Indicador Movimento do Comércio, que acompanha o desempenho das vendas no varejo em todo o Brasil, caiu 3,2% no acumulado no ano (1º semestre de 2017 contra o mesmo período do ano passado), de acordo com os dados apurados pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). Na avaliação acumulada em 12…

47% dos consumidores inadimplentes estão muito endividados, revela pesquisa da Boa Vista SCPC

O nível de endividamento elevado (muito endividado) atinge 47% dos consumidores inadimplentes, ou seja, que estão com o “nome sujo”, de acordo com a pesquisa nacional Perfil do Consumidor Inadimplente, realizada pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), com cerca de 1.500 respondentes. Em seguida, 26% se dizem mais ou menos endividados,…