Confiança do Consumidor tem nova queda em julho

Segundo a Fundação Getúlio Vargas, o Índice de Confiança do Consumidor (ICC) em julho caiu novamente, com variação de -2,3% na comparação mensal dos dados dessazonalizados. Com 82,0 pontos, o resultado do mês foi 1,9 p.p. mais baixo do que o registrado em junho, mantendo-se abaixo da média histórica, que é de 110,0 pontos.

O Índice da Situação Atual acelerou a queda, atingindo -5,2% e o Índice de Expectativas obteve retração de 2,4%. Já na comparação interanual, dos dados sem ajuste sazonal, o índice da situação atual foi 36,8% menor e o índice de expectativas recuou 14,8%. Tais variações implicaram numa queda de 23,1% no índice geral.

O atual nível de confiança do consumidor encontra-se em uma situação desgastada e distante da média histórica, o que é justificado por fatores como o orçamento cada vez mais apertado do consumidor, dadas a alta inflação e as pioras no mercado de trabalho. O descolamento da curva tem persistido há mais de um ano e uma reversão sustentável do indicador, a ser consolidada paulatinamente, poderá ser observada apenas em meados do próximo ano. Desta forma esperamos que o nível de confiança do consumidor continue baixo para os próximos meses.

O gráfico abaixo compreende a evolução do ICC ao longo dos últimos anos, com dados ajustados sazonalmente:

icc

Posts relacionados

Volume de serviços recua 1,0% em agosto e 4,5% no acumulado 12 meses

Segundo a Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) do IBGE, o volume de serviços apresentou queda de 1,0% em agosto contra o mês anterior (dados dessazonalizados). A categoria de serviços prestados às famílias foi a única a apresentar queda (-4,8%), bastante atípica para o mês considerando o histórico da série. Os demais grupos apresentaram crescimento: Serviços…

Número de novas empresas sobe 5,1% no 3º trimestre

No 3º trimestre de 2017 o número de novas empresas cresceu 5,1% em relação ao trimestre anterior, segundo levantamento da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), com abrangência nacional. Desta forma, os valores acumulados no ano (janeiro a setembro), quando comparados ao mesmo período do ano anterior, mantiveram-se positivos, passando de um…

Vendas para o dia das crianças sobem 2,7% em 2017

Dados da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito) mostram que em 2017 as vendas do comércio para o dia das crianças aumentaram 2,7% quando comparadas aos resultados de 2016. Dessa forma, o indicador para data comemorativa tornou a subir após 2 anos consecutivos de queda, quando variou -4,2% em 2016 e -3,4%…