IBC-BR: Índice de atividade do Banco Central cai 0,1% em março

Por Rafael Ciampone e Yan Cattani, da Área de Indicadores e Estudos Econômicos da Boa Vista SCPC

 

Segundo o Banco Central, o principal indicador coincidente da atividade econômica, o IBC-BR, registrou leve queda de 0,1% em março, na comparação mensal dos dados dessazonalizados. A variação mensal ficou abaixo das projeções do mercado, que esperavam estabilidade.

No acumulado em 12 meses, o indicador registrou leve desaceleração, passando de 2,6% em fevereiro para 2,5% em março.

O resultado ocorre após a divulgação da Produção Industrial Mensal (de acordo com a nova metodologia, apontou queda de 0,5% na comparação mensal dos dados ajustados sazonalmente) e da Pesquisa Mensal do Comércio (que indicou queda de 0,5% nas vendas do varejo restrito, mantida a base de comparação). Tendo em vista os resultados obtidos no primeiro trimestre de 2014, com recuperação da indústria em um ritmo mais fraco que o esperado, setor agrícola com crescimento mais modesto (crescendo algo entre 2 e 3% este ano, frete a um crescimento de 7,0% em 2013) e comércio desacelerando, esperamos que o PIB obtenha um tímido aumento: apenas 1,6% ao final do ano.

a

Posts relacionados

Inadimplência do consumidor cai 0,9% em 2016

A inadimplência do consumidor obteve queda de 0,9% em 2016, de acordo com dados nacionais da Boa Vista SCPC. Na avaliação mensal, descontados efeitos sazonais, houve retração de 7,6% do indicador quando comparado o resultado de dezembro contra novembro. Já na avaliação contra o mesmo mês do ano anterior, dezembro caiu 5,7%.   Regionalmente, na…

Títulos protestados encerram o ano com alta de 22,9%, segundo Boa Vista SCPC

De acordo com os dados da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), o número total de títulos protestados no país aumentou 22,9% no acumulado de 2016 em relação ao ano anterior. Na comparação interanual, os títulos protestados cresceram 6,0% e aumentaram 11,8% em relação ao mês anterior. O valor médio dos títulos…

Pedidos de falência encerram o ano com alta de 12,2%, segundo Boa Vista SCPC

Segundo dados com abrangência nacional da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), os pedidos de falência encerraram o ano com alta de 12,2% no acumulado de 2016 em relação ao mesmo período de 2015. Em dezembro, o número de pedidos de falências recuou 7,0% na comparação mensal com novembro e aumentou 19,2%…