IBC-BR: Índice de atividade do Banco Central cai 0,2% em maio

Por Yan Cattani, economista da Área de Indicadores e Estudos Econômicos da Boa Vista SCPC

Segundo o Banco Central, o principal indicador coincidente da atividade econômica, o IBC-BR, registrou queda de 0,2% em maio, na comparação mensal dos dados dessazonalizados. A variação mensal ficou praticamente em linha com as projeções do mercado, que esperavam 0,3% de queda.

A queda na margem continua refletindo o ritmo letárgico de crescimento da economia. No acumulado em 12 meses o indicador registrou grande desaceleração, passando de 2,2 % em abril para 1,9% em maio.

O resultado ocorre após a divulgação da Produção Industrial Mensal (de acordo com a nova metodologia, apontou queda de 0,6% na comparação de maio com ajuste sazonal) e da Pesquisa Mensal do Comércio, que mesmo crescendo (indicou alta de 0,5% nas vendas do varejo restrito, mantida a base de comparação), não apresentou força suficiente para elevar o indicador de atividade agregada.

Com este resultado, a atividade econômica de acordo com o indicador do BC devolveu todos os ganhos obtidos no ano, retornando ao patamar registrado em dezembro de 2013. Ademais, a expectativa para o fim do ano não é das melhores: a indústria não aponta mais para sinais de recuperação, isto é, se conseguir manter estabilidade no crescimento com relação a 2013 já é algo a se comemorar. O setor de serviços deverá manter o crescimento da economia, em especial o varejo, que deverá crescer cerca de 3,5% no ano. Por fim, o setor agrícola devido ao alto crescimento obtido no ano passado deverá ter – por efeito base de comparação – um crescimento mais modesto. Nestas circunstâncias, o resultado oficial do PIB deverá ser muito inferior ao esperado no início do ano, com um tímido aumento: 0,9%.

ibcbrmai

 

Posts relacionados

Fazer parte do Cadastro Positivo passa a ser fundamental para o consumidor, afirma Boa Vista SCPC

Se por um lado a aprovação da Medida Provisória que tornará automática a adesão dos consumidores brasileiros ao banco de dados de bons pagadores, em virtude da alteração na Lei 12.414/2011 está, por tempo indeterminado, pendente em Brasília, por outro, passa a ser cada vez mais contundente a responsabilidade de o consumidor conhecer e entender…

Percentual de cheques devolvidos atinge 2,11% em maio, segundo Boa Vista SCPC

O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos) como proporção do total de cheques movimentados[1] atingiu 2,11% em maio, registrando uma diminuição em relação ao mesmo mês do ano anterior, quando alcançou 2,33%. Na comparação mensal, o percentual de cheques devolvidos sobre movimentados obteve leve aumento (em abril o nível foi de…

Movimento do Comércio sobe 2,7% em maio, diz Boa Vista SCPC

Informações do varejo apuradas pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito) apontam que o Movimento do Comércio subiu 2,7% em maio, considerando os dados mensais com ajuste sazonal. Na avaliação acumulada em 12 meses (junho de 2016 até maio de 2017 frente ao mesmo período do ano anterior) houve queda de 3,0%…