Inflação sobre 0,40% em junho e estoura o teto da meta em 12 meses

Por Yan Cattani, economista da Área de Indicadores e Estudos Econômicos da Boa Vista SCPC

 O resultado da inflação oficial (IPCA) referente a junho registrou alta de 0,40% no período, acima da expectativa de mercado, de 0,39%. No resultado acumulado em 12 meses, o número passou de 6,38% em maio para 6,52% em junho, ultrapassando o teto da meta (6,5%).

Analisando as aberturas, o grupo que mais apresentou impacto foi Despesas Pessoais , responsável em 0,17 p.p. no valor total do mês, variando 1,57%. Destaque também para o impacto positivo do grupo de Saúde e Cuidados Pessoais, que apesar de ter desacelerado (em maio registrou alta de 0,98%) devido ao reajuste das tabelas dos planos de saúde, e que neste mês aumentou 0,60%, impactando em 0,07 p.p. no índice. Na contramão do movimento de alta, caminhou o grupo de Alimentação e Bebidas, que caiu 0,11%, refletindo a queda de preço de alguns itens importantes da cesta básica e também em partes a apreciação cambial nos últimos meses.

Considerando outras medidas alternativas de análise da inflação, o índice de dispersão (que mede o percentual dos grupos que subiram frente ao total dos produtos da cesta de preços) desacelerou, passando de 66,76% registrado em maio para 61,39% em junho. Já a aferição obtida pela média dos núcleos cresceu 0,06 p.p. no mês, atingindo 0,62%.

Diante deste cenário de inflação em alta e a interrupção do ciclo da taxas de juros, espera-se que a inflação em 2014 continue próxima de seu limite superior, ou seja, encerre o ano em 6,5%.

ipca jun14

Posts relacionados

Boa Vista SCPC internaliza equipe de relacionamento com a imprensa

A Boa Vista SCPC acaba de adotar um novo modelo de Relacionamento com a Imprensa. Esse trabalho, antes realizado pela agência Tamer Comunicação Empresarial, passa a ser internalizado e desempenhado pela equipe de Comunicação e Imprensa. A área está sob a gestão de Leandro Jordão, responsável também pelas ações de Relações Públicas da empresa, e…

Percentual de cheques devolvidos atingiu 2,07% em janeiro, segundo Boa Vista SCPC

O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos) como proporção do total de cheques movimentados[1] atingiu 2,07% em janeiro de 2017, registrando diminuição em relação a janeiro de 2016, quando alcançou 2,35%. O percentual de cheques devolvidos sobre movimentados também recuou na comparação mensal, (em dezembro o nível foi de 2,20%), sendo…

Inadimplência do consumidor sobe 3,9% em janeiro, diz Boa Vista SCPC

A inadimplência do consumidor obteve alta de 3,9% em janeiro na avaliação dessazonalizada contra dezembro, de acordo com dados nacionais da Boa Vista SCPC. Na avaliação acumulada em 12 meses (fevereiro de 2016 até janeiro de 2017 frente aos 12 meses antecedentes) houve retração 1,9%. Já quando comparado o resultado de janeiro contra o mesmo…