Pedidos de falência recuam 21,0% em janeiro, revela Boa Vista Serviços

PME: Desemprego atinge 4,9% em abril

Por Yan Cattani, economista da Área de Indicadores e Estudos Econômicos da Boa Vista SCPC

De acordo com o IBGE, a taxa de desemprego de abril registrou 4,9% da população economicamente ativa. Na série dessazonalizada pela Boa Vista SCPC, o resultado foi 4,6%, caindo 0,1 p.p. em relação ao mês anterior.

Sem os ajustes estatísticos, Recife foi única região metropolitana que apresentou elevação do desemprego (+0,8 p.p.) em relação a março, registrando uma taxa de 6,3%. Belo Horizonte, Porto Alegre e Rio de Janeiro apresentaram estabilidade, marcando 3,6%, 3,2% e 3,5%, respectivamente. As demais regiões apresentaram os seguintes resultados: Salvador caiu 0,1 p.p., registrando 9,1%, enquanto São Paulo caiu 0,5 p.p., fechando o mês em 5,2% de desocupação.

Com relação aos rendimentos reais, o valor médio real habitual com ajuste sazonal (elaborado também pela Boa Vista SCPC) foi de R$2.025,05, aumentando 0,1% na comparação mensal com março. Na comparação interanual (mesmo mês do ano anterior), abril continuou desacelerando em relação ao mês anterior (em março houve aumento de 3,2%, mantida a base de comparação), elevando-se 2,7%.

Em linhas gerais, a queda da taxa de desemprego ainda segue em patamares muito baixos devido ao encolhimento da população econômica ativa (na variação acumulada em 12 meses contra os 12 meses precedentes apresentou seu primeiro registro negativo na série histórica, de -0,1%). Enquanto isso, a população ocupada segue com baixo crescimento (aumentou 0,2%, no mesmo tipo de análise), tendências que, caso se perpetuem, sugerem uma mudança de cenário. Adicionalmente, com a continuidade de resultados macroeconômicos fracos, esperamos uma elevação (ainda que pequena) na taxa de desemprego para 2014.

Indicador

abr-14

mar-14

abr-13

Taxa de desocupação

4.9%

5.0%

5.8%

Rendimento real habitual

 R$        2,028.00

 R$   2,040.27

 R$   1,974.10

Fonte: IBGE

Elaboração: Boa Vista

 pme abr14

Posts relacionados

Títulos protestados acumulam alta de 24,9% no ano, segundo Boa Vista SCPC

De acordo com os dados da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), o número total de títulos protestados no país aumentou 24,9% no acumulado de janeiro a novembro de 2016 em relação ao mesmo período do ano anterior. Na comparação interanual, os títulos protestados diminuíram 4,3% e recuaram 12,0% em relação ao…

Pedidos de falência registram alta de 11,7% no acumulado do ano, segundo Boa Vista SCPC

Segundo dados com abrangência nacional da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), os pedidos de falência registraram alta de 11,7% no acumulado de janeiro a novembro de 2016 em relação ao mesmo período de 2015. Em novembro, o número de pedidos de falências recuou 5,1% na comparação interanual e aumentou 2,7% em…

Dívida com cartão de crédito e boleto levam paulistano a mutirão de renegociação de dívidas

A maioria (60%) dos consumidores que compareceu ao mutirão “Acertando suas Contas”, da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), na cidade de São Paulo, com a intenção de negociar suas dúvidas, buscou a renegociação do débito causado pelo cartão de crédito. A constatação é de levantamento realizado no próprio local pela Boa…