Produção industrial recua 1,4% em junho

Por Bruna Martins, da Área de Indicadores e Estudos Econômicos da Boa Vista SCPC

Segundo o IBGE, a produção industrial diminuiu 1,4% em junho, na comparação mensal dos dados dessazonalizados. O resultado ficou acima da média prevista pelo mercado, que apontava queda de 2,4%, na mesma base de comparação.

Analisando por categorias de uso, houve redução generalizada na margem. Bens de Consumo caíram 7,9%, bens intermediários obtiveram queda de 0,1%, enquanto bens de capital apresentaram recuo de 9,7%. Por setor, a indústria extrativa apresentou alta de 0,3%, enquanto o setor de indústria de transformação caiu 1,8%, mantida a base de comparação.

18 dos 24 setores analisados apresentaram queda na produção, destacando o setor de equipamentos de informática, produtos eletrônicos e ópticos com o pior resultado (-29,6%) e o setor de veículos que obteve queda pelo quarto mês consecutivo (-12,1%).

Ademais, a produção industrial começou a reduzir no acumulado em 12 meses, passando de 0,2% em maio para -0,6% nesta última aferição. Bens de Capital desaceleraram, passando de 4,3% para 1,2%. Bens intermediários caíram ainda mais, passando de -0,9% em maio para -1,2% em junho. Bens de consumo também recuaram (0,3%). As indústrias extrativas e de transformação apresentaram as seguintes variações: 1,1% e -0,9%, respectivamente.

Pelo quarto mês consecutivo a indústria apresentou resultado negativo na margem, comprometendo o seu resultado no ano, uma vez que deixou de desacelerar em 12 meses para reduzir a produção. Assim sendo, acreditamos que a produção industrial dificilmente deverá apresentar crescimento no ano, encerrando o ano com queda na produção de 2,0%.

PIM

 

Posts relacionados

Fazer parte do Cadastro Positivo passa a ser fundamental para o consumidor, afirma Boa Vista SCPC

Se por um lado a aprovação da Medida Provisória que tornará automática a adesão dos consumidores brasileiros ao banco de dados de bons pagadores, em virtude da alteração na Lei 12.414/2011 está, por tempo indeterminado, pendente em Brasília, por outro, passa a ser cada vez mais contundente a responsabilidade de o consumidor conhecer e entender…

Percentual de cheques devolvidos atinge 2,11% em maio, segundo Boa Vista SCPC

O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos) como proporção do total de cheques movimentados[1] atingiu 2,11% em maio, registrando uma diminuição em relação ao mesmo mês do ano anterior, quando alcançou 2,33%. Na comparação mensal, o percentual de cheques devolvidos sobre movimentados obteve leve aumento (em abril o nível foi de…

Movimento do Comércio sobe 2,7% em maio, diz Boa Vista SCPC

Informações do varejo apuradas pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito) apontam que o Movimento do Comércio subiu 2,7% em maio, considerando os dados mensais com ajuste sazonal. Na avaliação acumulada em 12 meses (junho de 2016 até maio de 2017 frente ao mesmo período do ano anterior) houve queda de 3,0%…