Alemanha antecipa meta fiscal e decepciona no crescimento

Por José Valter Martins de Almeida, da RC Consultores 

A Alemanha, pela primeira vez desde 2007, tem superávit fiscal. O saldo positivo ficou em 0,1% do PIB, atingindo a meta fiscal quatro anos antes do prazo estipulado por Bruxelas para países da zona do euro equilibrarem suas contas. Contribuiu para o resultado o fato de Berlim financiar suas dívidas com os juros mais baixos da história dos últimos 40 anos.  Por outro lado, o país germânico anunciou que encerrou 2012 com uma expansão do PIB de apenas 0,7%, distante dos 3,1% em 2011. Um dos motivos do fraco desempenho foi a desaceleração das exportações.

Esses resultados mostram que, por um lado a Alemanha está sabendo aproveitar as oportunidades para equilibrar suas contas e dar o bom exemplo fiscal na Europa. Mas, por outro lado, não ajuda a recuperação europeia. É um superávit fora de hora. O fraco desempenho da economia é preocupante. A retração do último trimestre de 0,5% foi o maior em três anos. A previsão inicial do governo alemão de crescimento do PIB em 2013 de 1,6% foi refeita agora para apenas 0,5%.  A recuperação expressiva do comércio mundial fica novamente postergada, o que pode atrapalhar a retomada no Brasil.

Ed.106

 

 

Comentários

comentários

Posts relacionados

Demanda por Crédito do Consumidor cai 0,7% no 1º semestre, segundo Boa Vista SCPC

A Demanda por Crédito do Consumidor caiu 0,7% no 1º semestre de 2017, em comparação ao 1º semestre de 2016, de acordo com dados nacionais da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). Na avaliação interanual, junho apresentou estabilidade nos dados, enquanto nos valores acumulados em 12 meses (julho de 2016 até junho…

Movimento do Comércio cai 3,2% no 1º semestre, diz Boa Vista SCPC

O Indicador Movimento do Comércio, que acompanha o desempenho das vendas no varejo em todo o Brasil, caiu 3,2% no acumulado no ano (1º semestre de 2017 contra o mesmo período do ano passado), de acordo com os dados apurados pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). Na avaliação acumulada em 12…

47% dos consumidores inadimplentes estão muito endividados, revela pesquisa da Boa Vista SCPC

O nível de endividamento elevado (muito endividado) atinge 47% dos consumidores inadimplentes, ou seja, que estão com o “nome sujo”, de acordo com a pesquisa nacional Perfil do Consumidor Inadimplente, realizada pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), com cerca de 1.500 respondentes. Em seguida, 26% se dizem mais ou menos endividados,…