Aneel autoriza mais um reajuste de energia

Por José Valter Martins de Almeida, da RC Consultores

A Aneel autorizou hoje um reajuste médio de 35,05% a ser aplicado nas tarifas de energia da distribuidora Copel, que atende 396 municípios no estado do Paraná, inclusive a capital Curitiba. A principal explicação para esse aumento da tarifa é a elevação do custo da energia comprada. A Copel tinha um volume grande de energia velha no seu mix, com preços mais baratos. Nos últimos leilões a energia contratada para substituir a energia existente foi a valores acima daqueles que vinham sendo considerados.

O governo aprovou um pacote de emergência no início do ano para liberar recursos para as distribuidoras e aliviar o stress de caixa na maioria delas diante dos preços elevados da energia comprada no mercado livre, após a alteração no modelo energético promovido pelo governo no ano passado. Além disso, a Aneel vem autorizando reajustes de energia ao longo do ano para várias distribuidoras. Esses reajustes, que giraram por volta dos 15% a 18%, já têm influenciado nos índice de preços. Esse impacto do aumento das tarifas ainda vai permanecer, pois algumas regiões metropolitanas ainda não foram contempladas com o reajuste. São Paulo, por exemplo, deve ter reajuste autorizado ainda este ano.

Comentários

comentários