BC vê "espuma" no câmbio, mas mira no aumento do combustível

 

Por Paulo Rabello de Castro e Fábio Silveira

Os termos “gordura” e “espuma” têm sido usados por diretores do BC para qualificar o nível do câmbio próximo a R$2.10, indicando que o BC atuará nessa faixa para conter o avanço da cotação. Ontem, a taxa fechou a R$2,078 por atuação do Banco. Está mais clara a preocupação do BC com a trajetória da inflação, não porque tema evolução descontrolada, e sim por desejo de conservar espaço para futuros rebaixamentos no juro básico, e com isso, empurrar o crescimento em 2013, meta prioritária do Planalto.

O câmbio sob controle ajudaria em várias frentes. Uma delas, no reajuste programado do preço dos combustíveis, para repor capacidade de investimento à Petrobras. Cálculos publicados hoje pela RC Consultores na mídia apontam defasagem de 11% na gasolina ao nível da refinaria. A diferença para menos já chegou a 27% em meados deste ano. A queda do preço do barril lá fora encurtou a distância até o equilíbrio. Ontem o barril veio a US$85,5 em NY, menor cotação em muitos meses, denotando oferta plena e demanda contida por recessões espalhadas em vários continentes. Ficou menos difícil para o governo acertar o aumento do preço interno em 2013.

Ed.87

Comentários

comentários

Posts relacionados

Uso de certificado digital na entrega da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física garante segurança e agilidade aos contribuintes

Contribuintes com rendimentos tributáveis superiores a R$ 28.559,70 no ano de 2016 precisam entregar, obrigatoriamente, até o dia 28 de abril a declaração do Imposto de Renda Pessoa Física – DIRF 2017. Para tornar essa obrigação junto à Receita Federal mais simples, rápida e prática, com a segurança da transmissão de informações pelo ambiente online,…

Maioria dos consumidores afirma ter perfil equilibrado quanto aos seus hábitos de consumo, revela pesquisa da Boa Vista SCPC

A maioria dos entrevistados (59%) em pesquisa inédita desenvolvida pela Boa Vista SCPC afirma ter um perfil equilibrado quando questionada sobre os seus hábitos de compra. Outros 28% dizem ter perfil conservador, e 13% afirmam ser consumistas. O levantamento da Boa Vista SCPC, elaborado com 1.169 entrevistados, em todo o Brasil, no período entre 31…

Parceria ADASP com a Boa Vista SCPC possibilita a ampliação de resultados

A Boa Vista SCPC tem parceria com mais de 2.200 entidades de classes representativas em todo o Brasil. Destaca-se também pela inovação e contínuo investimento em tecnologia para desenvolvimento de soluções que antecipem as principais demandas do mercado. Possui um time com centenas de profissionais especializados em modelagem estatística de informações, o que garante produtos…