Brasil paga a menor taxa de juros da América Latina

Por José Valter Martins de Almeida, da RC Consultores

O governo brasileiro lançou ontem a venda de US$ 1,25 bilhão em bônus globais com vencimento em 2023. A taxa de retorno ao investidor foi de 2,686%, 110 pontos base acima dos papéis do tesouro americano, o menor juro da história. A colocação vai ajudar o Brasil a melhorar as condições de financiamento para emissores corporativos locais, por meio da criação de uma nova curva de 10 anos, referenciado em dólar, a um custo menor.

O Brasil soube aproveitar muito bem o contexto global de investidores ávidos por títulos de renda fixa para alocar investimentos. O spread representa um patamar positivo, dadas as notas de risco do governo brasileiro pelas agências de classificação.

Ed.24

Comentários

comentários

Posts relacionados

Movimento do Comércio sobe 1,5% em setembro

O Indicador Movimento do Comércio, que acompanha o desempenho das vendas no varejo em todo o Brasil, subiu 1,5% em setembro quando comparado a agosto na análise com ajuste sazonal, de acordo com os dados apurados pela Boa Vista SCPC. Na avaliação acumulada em 12 meses (outubro de 2016 até setembro de 2017 frente ao…

IBC-BR recua 0,38% em agosto e 1,0% no acumulado 12 meses

18 de outubro 2017 – Segundo o Banco Central, o indicador antecedente da atividade econômica (IBC-BR[1]) recuou 0,38% na comparação mensal contra o mês de julho (dados dessazonalizados). Considerando a variação acumulada em 12 meses, o ritmo de queda segue diminuindo: a leitura de agosto apresentou um recuo de 1,0% (após registrar queda de 1,4%…

Volume de serviços recua 1,0% em agosto e 4,5% no acumulado 12 meses

Segundo a Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) do IBGE, o volume de serviços apresentou queda de 1,0% em agosto contra o mês anterior (dados dessazonalizados). A categoria de serviços prestados às famílias foi a única a apresentar queda (-4,8%), bastante atípica para o mês considerando o histórico da série. Os demais grupos apresentaram crescimento: Serviços…