Competitividade das exportações só virá com planejamento

Por Marcel Caparoz, da RC Consultores

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, anunciou ontem a ampliação, para toda a indústria de transformação, do benefício que permite uma redução da alíquota de imposto sobre o lucro obtido no exterior, que cairá dos atuais 34% para 25%.  Segundo o próprio ministro, está medida busca “dar equilíbrio entre as empresas brasileiras e estrangeiras no exterior”.

Num país onde a carga tributária já ultrapassa o nível de 34% do PIB, qualquer redução de impostos deve ser comemorada. No entanto, esta medida não deve de fato resolver a falta de competitividade das exportações brasileiras. Apenas algumas empresas multinacionais brasileiras com escritórios no exterior serão beneficiadas, deixando de lado um universo muito maior da pauta das exportações brasileiras. O aumento da competitividade não será alcançado com medidas pontuais, mas sim com o planejamento de uma política de comércio exterior bem definida e principalmente alinhada com a política de crescimento econômico do País, coisa que hoje não existe.

Comentários

comentários

Posts relacionados

Uso de certificado digital na entrega da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física garante segurança e agilidade aos contribuintes

Contribuintes com rendimentos tributáveis superiores a R$ 28.559,70 no ano de 2016 precisam entregar, obrigatoriamente, até o dia 28 de abril a declaração do Imposto de Renda Pessoa Física – DIRF 2017. Para tornar essa obrigação junto à Receita Federal mais simples, rápida e prática, com a segurança da transmissão de informações pelo ambiente online,…

Maioria dos consumidores afirma ter perfil equilibrado quanto aos seus hábitos de consumo, revela pesquisa da Boa Vista SCPC

A maioria dos entrevistados (59%) em pesquisa inédita desenvolvida pela Boa Vista SCPC afirma ter um perfil equilibrado quando questionada sobre os seus hábitos de compra. Outros 28% dizem ter perfil conservador, e 13% afirmam ser consumistas. O levantamento da Boa Vista SCPC, elaborado com 1.169 entrevistados, em todo o Brasil, no período entre 31…

Parceria ADASP com a Boa Vista SCPC possibilita a ampliação de resultados

A Boa Vista SCPC tem parceria com mais de 2.200 entidades de classes representativas em todo o Brasil. Destaca-se também pela inovação e contínuo investimento em tecnologia para desenvolvimento de soluções que antecipem as principais demandas do mercado. Possui um time com centenas de profissionais especializados em modelagem estatística de informações, o que garante produtos…