Custo menor de energia elétrica influencia IPCA-15 de fevereiro

Por José Valter Martins de Almeida, da RC Consultores

O IBGE divulgou hoje a prévia da inflação oficial do país. O IPCA-15 teve variação de 0,68% em fevereiro, um recuo de 0,20 ponto percentual em relação ao mês anterior. Em janeiro este indicador teve variação de 0,88%. Como previsto, a redução de 13,45% nas contas de energia elétrica impactaram o grupo Habitação, que apresentou deflação de 2,17%. Vestuário, Transportes e Despesas Pessoais também contribuíram para o recuo da inflação. Na contramão, a Educação, com alta de 5,49%, pressionou o índice. Alimentação e Bebidas, Artigos de Residência e Saúde foram outros grupos a pressionar a inflação em fevereiro. Em 12 meses, o IPCA-15 geral acumula alta de 6,18%, contra 6,02% em janeiro, portanto ainda subindo.

Nos próximos meses, o IPCA acumulado em 12 meses deve ficar acima dos 6%. Ainda a pressionar a inflação deste ano há o adiado reajuste das passagens urbanas. A inflação de serviços, em torno de 8%, não deve recuar significativamente. Por outro lado, espera-se uma queda importante nos alimentos, por conta da nova safra. Ontem, o BACEN e o Ministério da Fazenda afirmaram que a inflação não deve convergir para o centro da meta, de 4,5%, este ano. Para Mantega a inflação fechará o ano em 5,5%, ligeiramente inferior à do ano passado, de 5,84%.

Ed.129

Comentários

comentários

Posts relacionados

Uso de certificado digital na entrega da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física garante segurança e agilidade aos contribuintes

Contribuintes com rendimentos tributáveis superiores a R$ 28.559,70 no ano de 2016 precisam entregar, obrigatoriamente, até o dia 28 de abril a declaração do Imposto de Renda Pessoa Física – DIRF 2017. Para tornar essa obrigação junto à Receita Federal mais simples, rápida e prática, com a segurança da transmissão de informações pelo ambiente online,…

Maioria dos consumidores afirma ter perfil equilibrado quanto aos seus hábitos de consumo, revela pesquisa da Boa Vista SCPC

A maioria dos entrevistados (59%) em pesquisa inédita desenvolvida pela Boa Vista SCPC afirma ter um perfil equilibrado quando questionada sobre os seus hábitos de compra. Outros 28% dizem ter perfil conservador, e 13% afirmam ser consumistas. O levantamento da Boa Vista SCPC, elaborado com 1.169 entrevistados, em todo o Brasil, no período entre 31…

Parceria ADASP com a Boa Vista SCPC possibilita a ampliação de resultados

A Boa Vista SCPC tem parceria com mais de 2.200 entidades de classes representativas em todo o Brasil. Destaca-se também pela inovação e contínuo investimento em tecnologia para desenvolvimento de soluções que antecipem as principais demandas do mercado. Possui um time com centenas de profissionais especializados em modelagem estatística de informações, o que garante produtos…