Déficit em transações menos pressionado em 2014

Por Thiago Custódio Biscuola, da RC Consultores

De acordo com os dados divulgados pelo BACEN na última sexta-feira, o déficit em transações correntes acumulado nos 12 meses encerrados em setembro alcançou a marca de US$ 85,5 bilhões, equivalente a 3,6% do PIB. Dentre as principais variáveis cabe destacar o incremento significativo dos gastos em viagens internacionais, que nos primeiros nove meses de 2013 aumentaram 15,9% (R$ 13,9 bi) quando comparado a igual período de 2012. Esta conta correspondeu por 40% do déficit em serviços. Também contribui para este resultado a expressiva queda do saldo da balança comercial este ano, que soma até a 3ª semana de outubro déficit de US$ 600 milhões, enquanto que em 2012 havia um saldo positivo de US$ 15,7 bi.

Este cenário não deve sofrer grandes alterações neste último trimestre, mantendo o déficit em transações correntes em 3,6% do PIB. Para 2014 é esperada uma modesta reversão deste quadro. O câmbio médio desvalorizado dará um alívio à balança comercial (saldo comercial de US$ 8 bi), restringindo o crescimento das importações. Ainda nesse sentido, a conta petróleo deverá ter um resultado melhor já que importações feitas em 2012 foram contabilizadas somente neste ano. Do lado dos serviços, a conta de viagens continuará pressionada, uma vez que a melhora do nível de renda ainda permitirá a manutenção destes gastos. Serviços de transporte e aluguel de equipamentos também não devem sofrer grandes alterações, dada a dependência brasileira em relação a estes itens. Já em relação às rendas, a desvalorização do câmbio inibirá a remessa de lucros e dividendos no próximo ano. Dado este cenário, espera-se por uma modesta reversão do quadro de deterioração das contas externas, trazendo o déficit para 3% do PIB em 2014.

Ed.301

Comentários

comentários

Posts relacionados

Percentual de cheques devolvidos atinge 1,79% em agosto

O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos) como proporção do total de cheques movimentados atingiu 1,79% em agosto, registrando considerável redução em relação ao mesmo mês do ano anterior (-0,34 p.p.). Na comparação mensal, o percentual de cheques devolvidos sobre movimentados diminuiu frente a julho (quando o nível foi de 1,90%),…

Para 46% dos consumidores, o Cadastro Positivo tem como principal benefício auxiliar na obtenção de crédito e contratação de financiamentos

Em pesquisa inédita com consumidores de todo o Brasil, a Boa Vista SCPC identificou que para 46% dos entrevistados, o Cadastro Positivo tem como principal objetivo auxiliar na obtenção de crédito e na contratação de financiamentos. Outros 26% acreditam que o banco de dados com informações positivas sobre consumidores classifica de forma mais assertiva e…

Movimento do Comércio sobe 2,2% em agosto

O Indicador Movimento do Comércio, que acompanha o desempenho das vendas no varejo em todo o Brasil, subiu 2,2% em agosto quando comparado a julho na análise com ajuste sazonal, de acordo com os dados apurados pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). Na avaliação acumulada em 12 meses (setembro de 2016…