Expectativa de safra recorde nos EUA consolida queda das commodities

Por  Marcel Augusto Caparoz, da RC Consultores

Na última sexta-feira, o USDA (Departamento de Agricultura dos EUA) confirmou o plantio recorde de milho para a safra 13/14 nos EUA, que alcançara uma área de 39,4 milhões de hectares, a maior já dedicada ao cereal desde 1936. A soja deverá ocupar 31,4 milhões de hectares em 2013, novamente um novo recorde, assim como o trigo, que totalizará 22,9 milhões de hectares de área plantada no ano de 2013, acima da expectativa do mercado.

Esses resultados afetaram diretamente as cotações das commodities nas bolsas mundiais, principalmente nos índices futuros. Os contratos de milho de segunda posição de entrega, para setembro, tiveram forte queda de 4,3%, a US$ 5,4725 por bushel. Fundos de investimentos se viram obrigados a saírem da posição comprada, o que de certa forma consolida o movimento externo de baixa dos preços das commodities. O saldo da balança comercial brasileira é quem mais sofrerá com este processo baixista. Das 23 principais commodities exportadas pelo Brasil, 16 tiveram queda em relação ao preço médio do mesmo mês do ano anterior. A safra recorde do último ano e a atual desvalorização do Real impedem uma maior deterioração da rentabilidade do produtor brasileiro.

Ed.217

Comentários

comentários

Posts relacionados

Boa Vista SCPC: Demanda por Crédito do Consumidor sobe 4,6% em maio

A demanda por crédito do consumidor subiu 4,6% em maio frente a abril, com o ajuste sazonal, de acordo com dados nacionais da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). Na avaliação dos valores acumulados em 12 meses (junho de 2016 até maio de 2017 frente aos 12 meses antecedentes) houve desaceleração da…

Fazer parte do Cadastro Positivo passa a ser fundamental para o consumidor, afirma Boa Vista SCPC

Se por um lado a aprovação da Medida Provisória que tornará automática a adesão dos consumidores brasileiros ao banco de dados de bons pagadores, em virtude da alteração na Lei 12.414/2011 está, por tempo indeterminado, pendente em Brasília, por outro, passa a ser cada vez mais contundente a responsabilidade de o consumidor conhecer e entender…

Percentual de cheques devolvidos atinge 2,11% em maio, segundo Boa Vista SCPC

O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos) como proporção do total de cheques movimentados[1] atingiu 2,11% em maio, registrando uma diminuição em relação ao mesmo mês do ano anterior, quando alcançou 2,33%. Na comparação mensal, o percentual de cheques devolvidos sobre movimentados obteve leve aumento (em abril o nível foi de…