Governo reduz TJLP e prorroga PSI para estimular investimento

Por José Valter Martins de Almeida, da RC Consultores

O governo prorrogou o Programa de Sustentação do Investimento (PSI) até 2013, que contará com até R$ 100 bilhões e taxas de juros variando de 3% a 8% ao ano. Também reduziu a Taxa de Juros de Longo Prazo (TJLP) de 5,5% para 5% ao ano a partir de janeiro.  Para o Ministro Mantega, com essa medida o governo espera elevar em 8% os investimentos, após cinco trimestres de queda. Essa expansão ajudaria o Brasil a crescer 4% em 2013, segundo o Ministro.

É provável que em 2013 a economia brasileira não responda a esses estímulos oficiais com a mesma vivacidade de 2009. A pressão de custos impõe uma nova situação hoje. A indústria de transformação, com queda importante sobre o ano passado, é quem melhor expressa esse aperto geral nos segmentos produtivos.

Ed.84

 

Comentários

comentários

Posts relacionados

Fazer parte do Cadastro Positivo passa a ser fundamental para o consumidor, afirma Boa Vista SCPC

Se por um lado a aprovação da Medida Provisória que tornará automática a adesão dos consumidores brasileiros ao banco de dados de bons pagadores, em virtude da alteração na Lei 12.414/2011 está, por tempo indeterminado, pendente em Brasília, por outro, passa a ser cada vez mais contundente a responsabilidade de o consumidor conhecer e entender…

Percentual de cheques devolvidos atinge 2,11% em maio, segundo Boa Vista SCPC

O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos) como proporção do total de cheques movimentados[1] atingiu 2,11% em maio, registrando uma diminuição em relação ao mesmo mês do ano anterior, quando alcançou 2,33%. Na comparação mensal, o percentual de cheques devolvidos sobre movimentados obteve leve aumento (em abril o nível foi de…

Movimento do Comércio sobe 2,7% em maio, diz Boa Vista SCPC

Informações do varejo apuradas pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito) apontam que o Movimento do Comércio subiu 2,7% em maio, considerando os dados mensais com ajuste sazonal. Na avaliação acumulada em 12 meses (junho de 2016 até maio de 2017 frente ao mesmo período do ano anterior) houve queda de 3,0%…