Mercado refaz leitura baixista do PIB 2012 e altista da inflação futura

Por Paulo Rabello de Castro, da RC Consultores

O boletim Focus divulgado nesta semana aponta o recuo gradual das estimativas do mercado quanto ao PIB deste ano. Nesta semana, a média das opiniões ficou em 1,62%, havendo baixado de 1,9%, na aferição de 20 de julho passado. A estimativa do mercado agora converge para a projeção da RC Consultores de 1,5% em 2012. Nas últimas semanas, porém, apareceram indícios de que a política contracíclica do governo federal estaria fazendo um efeito positivo, embora modesto, que permite prever um aumento do PIB na faixa de 2,5 a 3% em 2013. A opinião do mercado sobre o PIB de 2013 está estacionária em 4%, denotando falta de visibilidade dos analistas sobre o futuro um pouco mais distante. De fato, será predominante em 2013 o comportamento do cenário externo. Os bancos centrais das principais economias preparam sua munição de afrouxamento monetário para tentar reanimar o ambiente, que se torna de novo recessivo.

É no campo inflacionário que o Focus traz mais novidade inquietante, ao estimar a inflação 2012, pelo IPCA, encostado em 5,24%, ante 5,2% da semana anterior. A leitura do mercado captura pressões de vários segmentos, especialmente combustíveis e alimentos, que puxarão o índice em setembro e outubro. Por estar bem acima do centro da meta, a inflação projetada estreita a margem do Banco Central em continuar aplicando reduções no juro SELIC. Já a previsão do câmbio continua estacionária na faixa de R$2,00. Mais um sinal da dificuldade de se perceber a tendência predominante.

Ed.26

Comentários

comentários