Pedidos de falência evidenciam retração econômica

Os pedidos de falência registrados pela Boa Vista SCPC no primeiro semestre deste ano superam em 9,6% os pedidos do mesmo período do ano passado. Na mesma linha os pedidos de recuperação judicial também aumentaram no acumulado do ano, em 17,2%. No mesmo período do ano passado os pedidos de falência estavam recuando cerca de 6%.

Até o mês de maio, os números acumulados ainda apresentavam certa estabilidade em relação a 2014, mas os dados de junho fortaleceram a expectativa de crescimento da insolvência das empresas em 2015, como já havíamos apontado em relatórios anteriores.

A fraca atividade econômica vem reduzindo a capacidade de geração de caixa das empresas. A combinação de aumento nas taxas de juros com a maior restrição ao crédito por parte dos concedentes limitaram e encareceram o capital de giro disponível, piorando a capacidade de pagamento e os indicadores de solvência das empresas.

A distribuição por setor da economia mostra que o comércio parece estar sofrendo mais do que os outros setores os efeitos da redução do ritmo das vendas. O ano de 2014 fechou com 41% dos pedidos de falência para o setor de serviços, 36% para a indústria e 23% para o comércio. No primeiro semestre de 2015, os pedidos para a indústria e serviços diminuíram, 40% e 34% respectivamente, e subiram para o comércio, 26%.

Sem sinal de melhora no cenário macroeconômico no curto prazo, a Boa Vista SCPC espera que os indicadores de falências encerrem o ano em patamares superiores aos de 2014. A última elevação anual apurada ocorreu em 2012, quando os pedidos cresceram 13,8%, a maior elevação da série iniciada após a Lei das Falências de 2005. Os resultados até o momento indicam que este ano os números podem ser ainda maiores.

Comentários

comentários

Posts relacionados

Maioria dos consumidores afirma ter perfil equilibrado quanto aos seus hábitos de consumo, revela pesquisa da Boa Vista SCPC

A maioria dos entrevistados (59%) em pesquisa inédita desenvolvida pela Boa Vista SCPC afirma ter um perfil equilibrado quando questionada sobre os seus hábitos de compra. Outros 28% dizem ter perfil conservador, e 13% afirmam ser consumistas. O levantamento da Boa Vista SCPC, elaborado com 1.169 entrevistados, em todo o Brasil, no período entre 31…

Parceria ADASP com a Boa Vista SCPC possibilita a ampliação de resultados

A Boa Vista SCPC tem parceria com mais de 2.200 entidades de classes representativas em todo o Brasil. Destaca-se também pela inovação e contínuo investimento em tecnologia para desenvolvimento de soluções que antecipem as principais demandas do mercado. Possui um time com centenas de profissionais especializados em modelagem estatística de informações, o que garante produtos…

Percentual de cheques devolvidos atingiu 2,06% em fevereiro, segundo Boa Vista SCPC

O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos) como proporção do total de cheques movimentados atingiu 2,06% em fevereiro, registrando diminuição em relação a fevereiro de 2016, quando alcançou 2,22%. O percentual de cheques devolvidos sobre movimentados também recuou na comparação mensal (em janeiro o nível foi de 2,07%), sendo o resultado…