PREÇOS DOS COMBUSTÍVEIS DEVEM SER MAJORADOS NO 1º SEMESTRE DE 2013

Por Fábio Silveira, da RC Consultores

A produção brasileira de petróleo caiu cerca de 2% no comparativo Janeiro-Novembro de 2012 versus Janeiro-Novembro de 2011, segundo a ANP (Agência Nacional de Petróleo). É um desempenho preocupante, já que o futuro da economia brasileira está atrelado, em boa medida, ao consumo de combustíveis fósseis.

Um dos principais fatores responsáveis pela retração da oferta interna de petróleo é o prolongado controle do preço de realização de óleo diesel e gasolina como uma das formas de conter a evolução da inflação brasileira. Desde o início de 2011, os preços domésticos desses combustíveis ficaram persistentemente abaixo do observado no mercado internacional, prejudicando assim o resultado operacional da Petrobras e inibindo seus investimentos. Óleo diesel e gasolina respondem por cerca de 52% da receita da empresa. Nessas condições, em que pese o quadro atual de pressão inflacionária, parece inevitável que os preços dos referidos combustíveis sejam majorados no primeiro semestre de 2013.

Ed.101

Comentários

comentários

Posts relacionados

Fazer parte do Cadastro Positivo passa a ser fundamental para o consumidor, afirma Boa Vista SCPC

Se por um lado a aprovação da Medida Provisória que tornará automática a adesão dos consumidores brasileiros ao banco de dados de bons pagadores, em virtude da alteração na Lei 12.414/2011 está, por tempo indeterminado, pendente em Brasília, por outro, passa a ser cada vez mais contundente a responsabilidade de o consumidor conhecer e entender…

Percentual de cheques devolvidos atinge 2,11% em maio, segundo Boa Vista SCPC

O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos) como proporção do total de cheques movimentados[1] atingiu 2,11% em maio, registrando uma diminuição em relação ao mesmo mês do ano anterior, quando alcançou 2,33%. Na comparação mensal, o percentual de cheques devolvidos sobre movimentados obteve leve aumento (em abril o nível foi de…

Movimento do Comércio sobe 2,7% em maio, diz Boa Vista SCPC

Informações do varejo apuradas pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito) apontam que o Movimento do Comércio subiu 2,7% em maio, considerando os dados mensais com ajuste sazonal. Na avaliação acumulada em 12 meses (junho de 2016 até maio de 2017 frente ao mesmo período do ano anterior) houve queda de 3,0%…