Primeiro-ministro britânico promete referendo para saída da União Europeia

Por José Valter Martins de Almeida, da RC Consultores

O primeiro-ministro britânico David Cameron, em discurso esta manhã, afirmou que vai promover um referendo sobre a continuidade do Reino Unido na União Europeia entre 2015 e 2017, se for reeleito dentro de dois anos. Cameron alertou para os problemas da zona do euro e para a crise de competitividade europeia.

Trata-se de uma resposta às pressões que vêm de dentro do partido conservador para que o Reino Unido abandone em definitivo a União Europeia. Mas o próprio presidente Obama alertou Cameron que, para os EUA, interessa que a Grã-Bretanha continue na União Europeia. Este referendo está longe de ser uma unanimidade. Vários empresários britânicos advertiram contra os resultados catastróficos de um abandono da EU pelo Reino Unido. O futuro referendo deve causar anos de incerteza à economia britânica, não contribuindo em nada para o encaminhamento da crise que passa na Europa.

Comentários

comentários

Posts relacionados

Percentual de cheques devolvidos atinge 2,10% em abril, segundo Boa Vista SCPC

O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos) como proporção do total de cheques movimentados atingiu 2,10% em abril, registrando uma diminuição em relação ao mesmo mês do ano anterior, quando alcançou 2,33%. Na comparação mensal o percentual de cheques devolvidos sobre movimentados obteve diminuição (em março o nível foi de 2,29%),…

Boa Vista SCPC: Demanda por Crédito do Consumidor cai 2,3% em abril

A Demanda por Crédito do Consumidor caiu 2,3% em abril com ajuste sazonal frente a março, de acordo com dados nacionais da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). Já na avaliação dos valores acumulados em 12 meses (maio de 2016 até abril de 2017 frente aos 12 meses antecedentes) houve desaceleração da…

Movimento do Comércio cai 1,0% em abril, diz Boa Vista SCPC

Dados do varejo apurados pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), apontam que o Movimento do Comércio caiu 1,0% em abril, considerando as informações mensais com ajuste sazonal. Na avaliação acumulada em 12 meses (maio de 2016 até abril de 2017) houve queda de 3,4% frente aos 12 meses antecedentes. Já na…