415

Rússia não consegue acordo para venda de gás à China

Por José Valter Martins de Almeida, da RC Consultores

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, encerra esta semana uma visita à China onde foi acompanhar a abertura de exercícios militares conjuntos e manter conversações com o líder chinês Xi Jinping com vistas a um apoio da China na crise da Ucrânia e acordos comerciais, entre os quais, o mais importante, é o fornecimento de gás russo à China. No campo político, Putin encontrou algum apoio em relação à Ucrânia. No econômico, fracassou a assinatura do acordo de fornecimento de gás, avaliado em US$ 400 bilhões.

A intenção de Putin é diminuir a dependência econômica da Rússia perante o Ocidente. O principal cliente do gás natural russo é a Europa, que tenta encontrar outras fontes de energia. Embora no curto prazo seja pouco provável que a União Europeia venha a agravar sanções econômicas devido à situação na Ucrânia, a Rússia pretende encontrar um novo cliente. Após mais de uma década de conversas, há uma convergência de interesses. Enquanto países europeus buscam reduzir a dependência do fornecimento do gás russo, Pequim procura diminuir o uso de carvão em troca de combustíveis mais limpos. No entanto, os dois países foram incapazes de superar as divergências comerciais. O fracasso em se chegar a um acordo sugere que a China está firme em sua barganha de preço. A China tem outras opções, como o projeto de gás em Sichuan ou mesmo o gás natural liquefeito norte-americano. Para a Rússia o acordo é essencial.

 

Comentários

comentários

Posts relacionados

Demanda por Crédito do Consumidor cai 0,7% no 1º semestre, segundo Boa Vista SCPC

A Demanda por Crédito do Consumidor caiu 0,7% no 1º semestre de 2017, em comparação ao 1º semestre de 2016, de acordo com dados nacionais da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). Na avaliação interanual, junho apresentou estabilidade nos dados, enquanto nos valores acumulados em 12 meses (julho de 2016 até junho…

Movimento do Comércio cai 3,2% no 1º semestre, diz Boa Vista SCPC

O Indicador Movimento do Comércio, que acompanha o desempenho das vendas no varejo em todo o Brasil, caiu 3,2% no acumulado no ano (1º semestre de 2017 contra o mesmo período do ano passado), de acordo com os dados apurados pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). Na avaliação acumulada em 12…

47% dos consumidores inadimplentes estão muito endividados, revela pesquisa da Boa Vista SCPC

O nível de endividamento elevado (muito endividado) atinge 47% dos consumidores inadimplentes, ou seja, que estão com o “nome sujo”, de acordo com a pesquisa nacional Perfil do Consumidor Inadimplente, realizada pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), com cerca de 1.500 respondentes. Em seguida, 26% se dizem mais ou menos endividados,…