Vendas no varejo seguem em alta

Por Thiago Custodio Biscuola, da RC Consultores

 

As vendas no comércio varejista aumentaram em fevereiro pelo segundo mês consecutivo. Segundo dados do IBGE, o varejo restrito (exclui veículos e motos, partes e peças e material de construção) avançou 0,2% frente a janeiro na série livre de influências sazonais. Em relação a igual mês de 2013, houve incremento de 8,5%. Este bom resultado foi beneficiado por uma base deprimida, já que o feriado do Carnaval ocorreu em fevereiro em 2013. No acumulado em 12 meses o crescimento alcançou 5,0%, maior taxa desde agosto de 2013.

Após iniciar uma trajetória de desaceleração desde novembro de 2012, as vendas no varejo demonstram certo fôlego neste primeiro semestre. Embora esse crescimento seja díspare entre os diversos seguimentos, de maneira geral o comércio se beneficiará do crescimento ainda inercial da renda e da taxa de desocupação em mínimas históricas. A Copa do Mundo estimulará a antecipação de compras de televisores e demais eletrodomésticos, que já registram alta de 8,4% neste ano. Este evento também beneficiará as vendas durante seu período de realização. Por outro lado, a inflação persistentemente alta, a constante elevação dos juros e a redução no ritmo de crescimento do crédito terão um impacto mais significativo no segundo semestre. As vendas neste ano tendem a demonstrar crescimento ligeiramente superior ao registrado em 2013 (+ 4,3%). A RC Consultores espera um avanço em torno de 4,5% em 2014.

Ed.397

 

Comentários

comentários

Posts relacionados

Boa Vista SCPC: Demanda por Crédito do Consumidor sobe 1,4% em janeiro

Contudo, na avaliação dos valores acumulados em 12 meses houve queda de 9,2% A Demanda por Crédito do Consumidor, de acordo com dados nacionais da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), aumentou 1,4% em janeiro, na avaliação dessazonalizada contra dezembro. Porém, na avaliação dos valores acumulados em 12 meses (fevereiro de 2016…

Boa Vista SCPC: recuperação de crédito sobe 3,0% em janeiro

O indicador de recuperação de crédito – obtido a partir da quantidade de exclusões dos registros de inadimplentes da base do crédito– apontou elevação de 3,0% na análise mensal contra dezembro, descontados os efeitos sazonais. Já na variação acumulada em 12 meses apresentou alta de 2,7%, enquanto na análise interanual (mesmo mês de 2016) houve…

81% dos consumidores esperam que em 2017 a relação entre recebimento e gastos melhore, segundo Boa Vista SCPC

A maioria dos entrevistados (81%) na Pesquisa Perfil do Inadimplente, da Boa Vista SCPC, espera que em 2017 a relação entre recebimentos e gastos esteja melhor do que a existente no 4º trimestre de 2016, período no qual o levantamento foi elaborado contendo a participação de consumidores de todo o país. Em dezembro de 2015,…