Percentual de cheques devolvidos é de 1,87% em fevereiro, segundo recuo mensal consecutivo, aponta Boa Vista Serviços

Percentual em fevereiro de 2012 era de 1,96%.

São Paulo, 12 de março de 2012 – O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos) como proporção do total de cheques movimentados[1] foi de 1,87% em fevereiro de 2013, apresentando segundo recuo mensal. Em janeiro essa proporção atingiu 1,98% e em dezembro foi de 2,01%. Este percentual é menor do que o registrado em fevereiro de 2012, quando o número de cheques devolvidos atingiu a proporção de 1,96% do total de cheques movimentados.

 

Número de cheques devolvidos

Dados da Boa Vista mostram também que o número de cheques devolvidos (segunda devolução) no mês de fevereiro diminuiu 18,1% em relação a janeiro de 2013 e também houve queda dos cheques movimentados (-13,1%), o que contribuiu para a queda do índice.

Contra o mesmo mês do ano anterior, houve contração no número de cheques devolvidos (-16,1%) e no número total de cheques movimentados (-11,6%).

Separando os cheques devolvidos de pessoas físicas e jurídicas, no acumulado do ano de 2013 na comparação com o mesmo período do ano anterior, a devolução para as pessoas físicas foi 10,0% menor e para as pessoas jurídicas a redução foi de 6,0%. Assim, os cheques devolvidos recuaram 9,0% no ano, enquanto que os movimentados diminuíram 8,8%.

 

Tabela 1 – Cheques

Período

Devolvidos

 (2ªdevolução)

Compensados

(Trocados)

Movimentados

Devolvidos/

Movimentados

Fev 2013

1.227.438

64.569.520

65.796.958

1,87%

Jan 2013

1.498.169

74.183.210

75.681.379

1,98%

Fev 2012

1.462.552

72.989.190

74.451.742

1,96%

Acum. 2013

2.725.607

138.752.730

141.478.337

1,93%

Acum. 2012

2.993.939

152.215.440

155.209.379

1,93%

A continuidade dos impactos positivos causados pela redução das taxas de juros e pelas condições favoráveis do mercado de trabalho contribui para um menor risco de inadimplência. Nos últimos meses temos observado essa influência benéfica na redução do percentual de cheques devolvidos sobre os movimentados, em linha com a tendência de recuo recente dos demais indicadores de inadimplência.


[1] Desde maio de 2012 a Boa Vista passou a utilizar como base para o cálculo da proporção de cheques devolvidos o total de cheques movimentados e não mais o total de cheques compensados. Consideramos o total de cheques movimentados a soma do total dos cheques devolvidos (2ª devolução por insuficiência de fundos) com o total dos cheques compensados em um determinado período.

Comentários

comentários

Posts relacionados

Número de novas empresas aumentou 6,6% no 1º trimestre de 2017, segundo Boa Vista SCPC

No 1º trimestre de 2017 o número de novas empresas cresceu 6,6% em relação ao mesmo período de 2016 (análise interanual), segundo levantamento da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), com abrangência nacional. Em relação ao 4º trimestre de 2016 houve aumento de 29,2%. Forma jurídica Na análise por classificação de forma…

Inadimplência das empresas inicia 2017 com queda de 0,3%, diz a Boa Vista SCPC

A inadimplência das empresas em todo o país caiu 0,3% no 1º trimestre de 2017 quando comparada ao mesmo trimestre do ano anterior, de acordo com dados da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). Depois de três anos consecutivos de alta do indicador na comparação interanual (1º tri de 2017 contra o…

Boa Vista SCPC: inadimplência do consumidor paulistano caiu 4,3% no 1º trimestre

A inadimplência do consumidor na cidade de São Paulo teve queda de 4,3% no acumulado do ano (1º trimestre de 2017 contra o mesmo período do ano passado), de acordo com os dados da Boa Vista SCPC. Na comparação interanual (março-17 contra março-16), a inadimplência retraiu 8,4%. Contra o mês anterior (março-17 contra fevereiro-17) houve…