Percentual de cheques devolvidos em março foi de 2,31% e é o maior desde maio de 2009

Percentual em março de 2012 era de 2,14%

O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos) como proporção do total de cheques movimentados[1] foi de 2,31% em março de 2013, apresentando o maior percentual desde maio de 2009 (2,46%). Em fevereiro essa proporção atingiu 1,87% e em janeiro foi de 1,98%. Este percentual é maior do que o registrado em março de 2012, quando o número de cheques devolvidos atingiu a proporção de 2,14% do total de cheques movimentados. O gráfico 1 mostra a evolução recente dos dados citados.

 

Número de cheques devolvidos

Dados da Boa Vista mostram também que o número de cheques devolvidos (segunda devolução) no mês de março aumentou 29,6% em relação a fevereiro de 2013 e também houve crescimento dos cheques movimentados (4,7%), o que contribuiu para a alta do índice.

Contra o mesmo mês do ano anterior, houve contração no número de cheques devolvidos (-7,3%) e no número total de cheques movimentados (-14,0%).

Separando os cheques devolvidos de pessoas físicas e jurídicas, no primeiro trimestre do ano de 2013 na comparação com o mesmo período do ano anterior, a devolução para as pessoas físicas foi 9,4% menor e para as pessoas jurídicas a redução foi de 5,5%. No total, os cheques devolvidos recuaram 8,4% no ano, enquanto que os movimentados diminuíram 10,6%.

 

Tabela 1 – Cheques

Período

Devolvidos

(2ª devolução)

Compensados

(Trocados)

Movimentados

Devolvidos/

Movimentados

Mar 2013

1.591.237

67.283.180

68.874.417

2,31%

Fev 2013

1.227.438

64.569.520

65.796.958

1,87%

Mar 2012

1.717.167

78.412.520

80.129.687

2,14%

Acum. 2013

4.316.844

206.035.910

210.352.754

2,05%

Acum. 2012

4.711.106

230.627.960

235.339.066

2,00%

 


[1] Desde maio de 2012 a Boa Vista passou a utilizar como base para o cálculo da proporção de cheques devolvidos o total de cheques movimentados e não mais o total de cheques compensados. Consideramos o total de cheques movimentados a soma do total dos cheques devolvidos (2ª devolução por insuficiência de fundos) com o total dos cheques compensados em um determinado período.

Comentários

comentários