Boa Vista Serviços aponta que o Movimento do Comércio encerrou 2012 com alta de 7,3%

Indicador recuou -0,2% em relação a novembro, na comparação com ajuste sazonal, e avançou 8,0% em relação a dezembro de 2011

Acesse aqui o release na íntegra.

29 de janeiro de 2013 – Dados da Boa Vista Serviços, com abrangência nacional, indicam que, em dezembro houve uma pequena redução no indicador do Movimento do Comércio (-0,2%) em relação a novembro – desconsiderando os efeitos sazonais.

Avaliando os doze meses que compõe o ano de 2012 contra o mesmo período de 2011, o indicador subiu 7,3%. Em 2011 o indicador subiu 7,9%.

Setores

O setor de Supermercados, alimentos e bebida apresentou entre novembro e dezembro um crescimento de 0,4%, desconsiderando os efeitos sazonais. Analisando os últimos 12 meses o setor exibiu o maior crescimento dentre aqueles analisados pela Boa Vista, com a variação de 9,3%.

A série dessazonalizada do setor de varejo Móveis e Eletrodomésticos registrou aumento de 0,8% em comparação ao mês imediatamente anterior. Considerando o desempenho acumulado do ano de 2012, houve alta de 5,8% na atividade do setor quando comparado ao ano anterior.

Já o setor de Combustíveis e Lubrificantes apresentou em dezembro queda de 1,0% em comparação com novembro em sua série dessazonalizada. Nos doze meses de 2012, porém, a série apresentou crescimento de 6,6%.

Por fim, o indicador de movimento do varejo para o setor de Tecidos, Vestuário e Calçados registrou queda de 1,1% m/m em dezembro, considerando o ajuste sazonal. No acumulado de 2012 o setor apresentou a variação mais modesta, com elevação de 3,0%.

Análise

O primeiro trimestre de 2012 apresentou forte expansão nas vendas do varejo, esse comportamento foi sustentado por dois eventos. O primeiro deles foi a alta de 14% do salário mínimo que ocorreu em janeiro de 2012. O segundo foi o pacote de medidas de incentivos à tomada de crédito adotada pelo governo.

O crescimento experimentado pelo varejo no primeiro trimestre não se sustentou com a mesma intensidade ao longo do ano. Esse comportamento é explicado pelo arrefecimento apresentado na economia brasileira, que se tornou evidente a partir dos dados econômicos divulgados ao longo do ano. Porém, pelos números da Boa Vista, aparentemente houve uma retomada do crescimento das atividades no varejo no último trimestre, o que pode indicar uma recuperação da atividade econômica.

Metodologia do Indicador de Movimento do Comércio

O indicador que representa o nível de atividade do setor varejista é obtido a partir da série histórica mensal da quantidade de consultas efetuadas à base de dados da Boa Vista.  As consultas são realizadas por estabelecimentos comerciais e instituições financeiras no momento da venda. Os dados são classificados conforme a atividade econômica do usuário da base de dados e, posteriormente, corrigidos pelos devidos tratamentos estatísticos. As séries encadeadas têm como ano base a média de 2011 = 100 e passam por ajuste sazonal para avaliação da variação mensal. O indicador é mensal e começa ser publicado em janeiro de 2013.

Comentários

comentários

Posts relacionados

CAGED: Setembro registra sexto saldo positivo consecutivo

Segundo dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) do Ministério do Trabalho, em setembro o saldo de vagas no mercado de trabalho (diferença entre novas contratações e demissões) foi positivo em 34,4 mil postos. Deste modo, a leitura atual contrasta quando comparado ao mesmo período do ano anterior, quando foram encerradas 39,3…

Movimento do Comércio sobe 1,5% em setembro

O Indicador Movimento do Comércio, que acompanha o desempenho das vendas no varejo em todo o Brasil, subiu 1,5% em setembro quando comparado a agosto na análise com ajuste sazonal, de acordo com os dados apurados pela Boa Vista SCPC. Na avaliação acumulada em 12 meses (outubro de 2016 até setembro de 2017 frente ao…

IBC-BR recua 0,38% em agosto e 1,0% no acumulado 12 meses

18 de outubro 2017 – Segundo o Banco Central, o indicador antecedente da atividade econômica (IBC-BR[1]) recuou 0,38% na comparação mensal contra o mês de julho (dados dessazonalizados). Considerando a variação acumulada em 12 meses, o ritmo de queda segue diminuindo: a leitura de agosto apresentou um recuo de 1,0% (após registrar queda de 1,4%…