Risco de crédito do consumidor recua no 3º trimestre de 2015, segundo Boa Vista SCPC

O Indicador de Risco de Crédito (IRC) da Boa Vista SCPC, que mostra o risco dos consumidores se tornarem inadimplentes baseado em modelos estatísticos, recuou 0,3%, após decréscimo de 0,3 ponto no índice, no 3º trimestre de 2015, na comparação com o trimestre anterior. O IRC avalia o risco mediano de uma amostra de indivíduos que buscaram crédito no mercado nos últimos 12 meses.

O gráfico abaixo mostra que os consumidores em busca de crédito nos últimos 12 meses mantiveram o risco de se tornar inadimplentes no 3º trimestre de 2015 em relação ao mesmo período de 2014, registrando 97,2 pontos.

Também é possível observar a aderência do IRC com a taxa de inadimplência divulgada pelo Banco Central, que historicamente antecipa o indicador oficial em 2 a 3 trimestres.

O Indicador de Risco de Crédito da Boa Vista SCPC pode ser utilizado como antecedente da inadimplência dos consumidores brasileiros medida pelo Banco Central. O indicador iniciou uma trajetória de queda no segundo trimestre de 2012, antecipando o recuo observado do indicador do Banco Central a partir do quarto trimestre de 2012. De acordo com os dados mais atuais, o IRC começou a sugerir que a taxa de inadimplência do Banco Central em 2015 ficará um pouco acima da registrada em 2014, mas deve voltar a cair logo em seguida.

Metodologia

O Indicador de Risco de Crédito (IRC) da Boa Vista SCPC avalia o risco mediano de uma amostra de indivíduos que buscaram crédito no mercado nos últimos 12 meses.

A série histórica deste indicador inicia no 1º trimestre de 2005 e está disponível em:

http://www.boavistaservicos.com.br/economia/risco-de-credito/

 


* Inadimplência de recursos livres acima de 90 dias para pessoas físicas medida pelo Banco Central.

 

 

Comentários

comentários

Posts relacionados

Percentual de cheques devolvidos atinge 1,90% em julho

O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos), como proporção do total de cheques movimentados[1] atingiu 1,90% em julho, registrando considerável redução em relação ao mesmo mês do ano anterior (-0,31 p.p.). Na comparação mensal, o percentual de cheques devolvidos sobre movimentados obteve leve alta frente ao mês anterior (em junho o…

Número de novas empresas cai 3,8% no 2º trimestre

No 2º trimestre de 2017 o número de novas empresas caiu 3,8% em relação ao trimestre anterior, segundo levantamento da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), com abrangência nacional. Assim, o resultado configura a primeira queda para esse trimestre desde o início da série histórica (2003). Ainda assim, os valores acumulados no…

Vendas para o dia dos pais recuam 0,5% em 2017

As vendas do comércio para o dia dos pais diminuíram 0,5% em 2017 quando comparadas a 2016, segundo dados da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). O recuo das vendas nesta data foi mais fraco do que o observado em 2016, quando o comércio retraiu 5,2% em relação ao mesmo período de…