Juros do cheque especial recuam após nove altas; veja taxas

A taxa de juros média do cheque especial apresentou em outubro a primeira queda após nove meses de alta, passando de 9,57% ao mês em setembro para 9,55%, de acordo com a pesquisa da Fundação Procon-SP divulgada nesta segunda-feira.

Dos sete bancos analisados, três (Banco do Brasil, Bradesco e Caixa Econômica Federal) reduziram a taxa nesse período.

Já no empréstimo pessoal, o levantamento apontou a segunda redução consecutiva na média, de 5,86% ao mês para 5,85%, com dois bancos (Banco do Brasil e Bradesco) diminuindo os juros.

O cenário continua desfavorável para os empréstimos financeiros, pois as taxas de juros continuam altas, alerta o Procon-SP. O órgão orienta o consumidor a manter a cautela, procurando analisar todas as opções de financiamento antes de efetuar a dívida.

A pesquisa foi realizada no dia 18 de outubro e englobou as seguintes instituições financeiras: Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, HSBC, Itaú, Safra e Santander.

Considerando que existe a possibilidade de variação da taxa do empréstimo pessoal em função do prazo do contrato, foi estipulado o período de 12 meses, já que todos os bancos pesquisados trabalham com esse período. Para o cheque especial, foi considerado um intervalo de 30 dias.

O levantamento, vale lembrar, foi feito antes da reunião do Copom (Comitê de Política Monetária), que decidiu reduzir a taxa básica de juros, a Selic, em 0,50 ponto percentual, para 11,50% ao ano.

Taxa de juros ao mês em outubro

Cheque Especial
Banco do Brasil – 8,45%
Bradesco – 8,93%
Caixa Econômica Federal – 8,20%
HSBC – 9,95%
Itaú – 9,03%
Safra – 12,30%
Santander – 9,99%

Empréstimo Pessoal
Banco do Brasil – 5,35%
Bradesco – 6,33%
Caixa Econômica Federal – 5,45%
HSBC – 5,99%
Itaú – 6,45%
Safra – 5,40%
Santander – 5,99%

Fonte: Folha

Comentários

comentários

Posts relacionados

Boa Vista SCPC: Demanda por Crédito do Consumidor sobe 4,6% em maio

A demanda por crédito do consumidor subiu 4,6% em maio frente a abril, com o ajuste sazonal, de acordo com dados nacionais da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). Na avaliação dos valores acumulados em 12 meses (junho de 2016 até maio de 2017 frente aos 12 meses antecedentes) houve desaceleração da…

Fazer parte do Cadastro Positivo passa a ser fundamental para o consumidor, afirma Boa Vista SCPC

Se por um lado a aprovação da Medida Provisória que tornará automática a adesão dos consumidores brasileiros ao banco de dados de bons pagadores, em virtude da alteração na Lei 12.414/2011 está, por tempo indeterminado, pendente em Brasília, por outro, passa a ser cada vez mais contundente a responsabilidade de o consumidor conhecer e entender…

Percentual de cheques devolvidos atinge 2,11% em maio, segundo Boa Vista SCPC

O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos) como proporção do total de cheques movimentados[1] atingiu 2,11% em maio, registrando uma diminuição em relação ao mesmo mês do ano anterior, quando alcançou 2,33%. Na comparação mensal, o percentual de cheques devolvidos sobre movimentados obteve leve aumento (em abril o nível foi de…