Preço dos alimentos puxa recuo de inflação semanal, mostra FGV

O IPC-S (Índice de Preços ao Consumidor – Semanal) apresentou desaceleração e ficou em alta de 0,31%, taxa menor do que o 0,39% registrado na apuração anterior do indicador, apurado pela FGV (Fundação Getulio Vargas). Esta é a menor alta desde a segunda semana de agosto, quando o indicador avançou 0,17%, apontou a instituição.

Na atual leitura, seis das sete classes de despesa componentes do índice apresentaram queda no ritmo de aumento dos preços, com destaque para o grupo alimentação, que passou de alta de 0,17% para avanço de 0,03% entre a medição anterior e atual.

Neste grupo, os itens que mais contribuíram para este recuo foram: panificados e biscoitos (0,77% para 0,21%), adoçantes (2,05% para 0,60%) e laticínios (1,44% para 0,98%), nesta ordem.

Também apresentaram ritmo menor de avanço, entre a semana do dia 15 e a semana do dia 22 deste mês, os grupos transportes, que foi de alta de 0,13% para queda de 0,02%, habitação, que passou de 0,70% para 0,64%, despesas diversas, de 0,35% para 0,26%, saúde e cuidados pessoais, de alta de 0,44% para avanço de 0,41%, e vestuário, que foi de alta de 0,82% para aumento de 0,81% no intervalo.

Para estas classes de despesa, a FGV destaca o comportamento dos itens: gasolina, que passou de estabilidade para queda de 0,19%, entre a medição anterior e atual do indicador, taxa de água e esgoto residencial, que foi de alta de 2,71% para aumento de 1,95%, e serviços de cuidados pessoais, que passou de crescimento de 0,74% para alta de 0,38% no mesmo intervalo.

Em contrapartida, o grupo educação, leitura e recreação apresentou aceleração de preços, ao passar de aumento de 0,14% para alta de 0,27%.

Fonte: Folha

Comentários

comentários

Posts relacionados

Boa Vista SCPC: inadimplência do consumidor paulistano caiu 4,3% no 1º trimestre

A inadimplência do consumidor na cidade de São Paulo teve queda de 4,3% no acumulado do ano (1º trimestre de 2017 contra o mesmo período do ano passado), de acordo com os dados da Boa Vista SCPC. Na comparação interanual (março-17 contra março-16), a inadimplência retraiu 8,4%. Contra o mês anterior (março-17 contra fevereiro-17) houve…

Demanda por Crédito do Consumidor cai 4,0% no 1º trimestre, segundo Boa Vista SCPC

Dados nacionais da Boa Vista SCPC apontam que a Demanda por Crédito do Consumidor caiu 4,0% no 1º trimestre de 2017 na comparação com o mesmo período do ano anterior. Já na avaliação dos valores acumulados em 12 meses (abril de 2016 até março de 2017 frente aos 12 meses antecedentes) houve retração de 9,3%,…

Percentual de cheques devolvidos atinge 2,29% em março, segundo Boa Vista SCPC

No mesmo mês do ano anterior, o percentual foi de 2,59% 20 de abril 2017 – O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos) como proporção do total de cheques movimentados[1] atingiu 2,29% em março, registrando diminuição em relação ao mesmo mês do ano anterior, quando alcançou 2,59%. O que representa menos cheques…