Indicadores regionais de inadimplência e recuperação de crédito

Indicadores Econômicos Regionais de Inadimplência e Recuperação de Crédito da Boa Vista SCPC:

  • RA’s de SP:

RA ABC Paulista (+ São Bernardo do Campo)

RA Alta Noroeste (+ Votuporanga)

RA Alto do Tietê (+ Guarulhos)

RA Araçatuba (+ cidade de Araçatuba)

RA Baixa Mogiana (+ Mogi Guaçu)

RA Bauru (+ cidade de Bauru)

RA Campinas (+ cidade de Campinas)

RA Franca (+ cidade de Franca)

RA Jundiaí (+ cidade de Jundiaí)

RA Litoral Paulista (+ Santos)

RA Marília (+ cidade de Marília)

RA Metropolitana Oeste (+ Osasco)

RA Presidente Prudente (+ cidade de Presidente Prudente)

RA Ribeirão Preto (+ cidade Ribeirão Preto)

RA São Carlos (+ cidade de São Carlos)

RA São José do Rio Preto (+ cidade de SJRP)

RA Sorocaba (+ cidade de Sorocaba)

RA Vale do Paraíba (+ São José dos Campos)

RA Vale do Paranapanema (+ Itapetininga)

Piracicaba (exclusivo da cidade)

 

  • Outras praças:

São Paulo

Rio de Janeiro

Paraná / Curitiba / Londrina / Cascavel Maringá

Rio Grande do Sul

Porto Alegre

Mato Grosso do Sul

Comentários

comentários

Posts relacionados

Boa Vista SCPC: Demanda por Crédito do Consumidor sobe 4,6% em maio

A demanda por crédito do consumidor subiu 4,6% em maio frente a abril, com o ajuste sazonal, de acordo com dados nacionais da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). Na avaliação dos valores acumulados em 12 meses (junho de 2016 até maio de 2017 frente aos 12 meses antecedentes) houve desaceleração da…

Fazer parte do Cadastro Positivo passa a ser fundamental para o consumidor, afirma Boa Vista SCPC

Se por um lado a aprovação da Medida Provisória que tornará automática a adesão dos consumidores brasileiros ao banco de dados de bons pagadores, em virtude da alteração na Lei 12.414/2011 está, por tempo indeterminado, pendente em Brasília, por outro, passa a ser cada vez mais contundente a responsabilidade de o consumidor conhecer e entender…

Percentual de cheques devolvidos atinge 2,11% em maio, segundo Boa Vista SCPC

O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos) como proporção do total de cheques movimentados[1] atingiu 2,11% em maio, registrando uma diminuição em relação ao mesmo mês do ano anterior, quando alcançou 2,33%. Na comparação mensal, o percentual de cheques devolvidos sobre movimentados obteve leve aumento (em abril o nível foi de…