Confiança do comércio tem nova queda em agosto

O Índice de Confiança do Comércio (ICOM) da FGV apresentou nova variação negativa em agosto, de -4,1% na comparação mensal dos dados dessazonalizados. Esta é a quarta queda consecutiva do indicador. Mantida a base de comparação, o resultado do Índice de Expectativas apresentou melhora com alta de 0,4%. Já o Índice da Situação Atual obteve … Continue lendo

Índice de Confiança de Serviços cai pela 4ª vez consecutiva

De acordo com a Fundação Getulio Vargas, a confiança nos serviços obteve a 4ª queda consecutiva em agosto ao variar -4,7%, na análise mensal dos dados dessazonalizados. Mantida a base de comparação, o Índice de Confiança no Presente caiu 9,6% e o Índice de Expectativas recuou 1,7%. Ainda na análise dos dados com ajuste sazonal, … Continue lendo

PIB recua 1,9% no segundo trimestre

Valor é referente à análise com ajuste sazonal contra o primeiro trimestre deste ano Segundo o IBGE, o PIB (Produto Interno Bruto) retraiu 1,9% no 2T de 2015 na análise contra o trimestre imediatamente anterior, com os dados dessazonalizados, atingindo R$ 1,428 trilhão no período. O resultado veio praticamente em linha com as expectativas de … Continue lendo

A análise de riscos da clientela começa na abordagem

Roseli Garcia é diretora de Rede da Boa Vista SCPC O risco de golpes e fraudes é uma constante em nosso dia a dia. Isso é fato consumado e incontestável, pois sabemos que não há como zerá-lo, quando no máximo, reduzi-lo já é um grande desafio. Entretanto, o que tenho observado em muitos empresários é, … Continue lendo

PIB evidencia recuo na demanda das famílias

Os ajustes econômicos finalmente começam a surtir maiores efeitos na economia. Segundo o IBGE, o PIB (Produto Interno Bruto) retraiu 1,9% no 2º trimestre de 2015 na análise contra o trimestre imediatamente anterior, com os dados dessazonalizados, atingindo R$ 1,428 trilhão no período. O resultado veio praticamente em linha com as expectativas de mercado, que … Continue lendo

Os dois lados do crédito

Que o cenário macroeconômico não está bom, já é sabido. Mas os impactos são diferentes no cotidiano das empresas e das famílias. E aparentemente as empresas estão sofrendo mais quando se refere ao mercado de crédito. Os resultados da Nota de Política Monetária e Creditícia do Banco Central, referente a julho de 2015, mostraram que … Continue lendo