Vendas no varejo crescem 0,5% em setembro e caem 0,6% no acumulado 12 meses

De acordo com a Pesquisa Mensal do Comércio (PMC) divulgada pelo IBGE, o volume de vendas no Varejo restrito subiu 0,5% em setembro na comparação mensal (com ajuste sazonal), enquanto na variação acumulada em 12 meses, a trajetória do indicador apresentou melhora de 1 p.p. em relação ao mês anterior, apresentando retração de apenas 0,6%. Na relação contra o mesmo mês do ano anterior, houve crescimento de 6,4% (sexto avanço consecutivo na base de comparação), acumulando no ano elevação de 1,3%.

O Comércio Varejista Ampliado, por sua vez, apresentou variação positiva mensal de 1,0% nos dados dessazonalizados, enquanto na variação interanual o crescimento foi de 9,3%, conferindo uma queda de apenas 0,1% em 12 meses.

pmc-set

Avaliando as séries na variação mensal (com ajuste sazonal), os destaques positivos foram: Materiais de construção (1,2%), Artigos farmacêuticos, perfumaria e cosméticos (1,1%) e Outros artigos de uso pessoal e doméstico (1,0%). Em direção oposta, apresentaram as maiores quedas os setores de Livros, jornais e papelaria  (-2,4%) e Combustíveis e lubrificantes (-1,9%).

pmc-tab-set

A recuperação do comércio vem ocorrendo em ritmo mais acelerado nos últimos meses, em linha com a evolução dos indicadores do mercado de trabalho (como aumento dos rendimentos reais e taxa de desocupação). Desse modo, a tendência de retomada no setor varejista deve continuar nos próximos meses, encerrando o ano com crescimento de 1,2% em 2017 e 3,7% em 2018.

Posts relacionados

Movimento do Comércio sobe 0,2% em janeiro

O Indicador Movimento do Comércio, que acompanha o desempenho das vendas no varejo em todo o Brasil, subiu 0,2% em janeiro na comparação mensal com dados dessazonalizados, de acordo com os dados apurados pela Boa Vista SCPC. Na avaliação acumulada em 12 meses (fevereiro de 2017 até janeiro de 2018 frente ao mesmo período do…

Percentual de cheques devolvidos permanece em 1,92% em janeiro

O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos) como proporção do total de cheques movimentados [1] foi de 1,92% em janeiro 2018, registrando redução em relação ao ano anterior (-0,15 p.p.). Na comparação mensal, o percentual de cheques devolvidos sobre movimentados permaneceu estável em relação a dezembro, associado ao crescimento compensatório entre…

Recuperação de crédito cresce 0,3% em janeiro

  O indicador de recuperação de crédito – obtido a partir da quantidade de exclusões dos registros de inadimplentes da base da Boa Vista SCPC – apontou crescimento em janeiro de 0,3%, na comparação mensal com ajuste sazonal. Já na análise acumulada em 12 meses, houve queda de 1,1% (fevereiro de 2017 até janeiro de…