Volume de vendas varejistas sobe 0,9% em novembro, diz IBGE

Por Yan Nonato Cattani, economista da Boa Vista SCPC

 De acordo com a Pesquisa Mensal do Comércio, divulgada pelo IBGE, o volume de vendas no varejo restrito subiu 0,9% na comparação mensal de novembro dos dados com ajuste sazonal, ficando acima da mediana prevista pelo mercado (+0,3%). Na relação com o mesmo mês do ano anterior, houve alta de 1,0%. Na análise do resultado acumulado em 12 meses, as vendas aumentaram em 2,6%, desacelerando em 0,5p.p. frente a penúltima aferição.

Através da análise dos dados dessazonalizados, o destaque ficou com “Livros, jornais revistas e papelaria” que subiu 9,6% em novembro. As demais categorias ficaram configuradas da seguinte maneira: “Móveis e Eletrodomésticos” (+5,4%); “Materiais para escritório” (4,9%), “Tecidos, vestuário e calçados” (+3,4%); “Outros” (+2,7%); “Combustíveis e lubrificantes” (-0,2%) “Artigos farmacêuticos” (-0,3%); “Hipermercados e supermercados” (-0,8%). Já para o resultado ampliado do varejo, isto é, incluindo as vendas de materiais de construção e de veículos automotores, também houve alta, de 1,2%.

O varejo demonstrou ao longo do ano sucessivos resultados de fraco desempenho, tendo em vista a análise de longo prazo – medida pela variação acumulada em 12 meses. Neste mês não foi diferente, mesmo com a alta marginal. O indicador de Movimento do Comércio da Boa Vista também tem apontado desaceleração ao longo do período, corroborando a hipótese de arrefecimento do setor. Com este cenário em mente, as expectativas de crescimento no ano permanecem próximas 3,0% (com viés de baixa) igual magnitude esperada para 2015.

 pmc nov14


Buscar por período:

TAGS

Posts relacionados

Para BC, atividade econômica continua a apresentar queda na análise 12 meses, apesar do avanço mensal de 1,1%

Comentários:                                                                                                             …

Volume de Serviços avança 2,9% em agosto, mas acentua queda na análise em 12 meses

  Comentários:                                                                                                           …

IPCA avança 0,64% em setembro, sendo o maior resultado para um mês de setembro desde 2003

Comentários: De acordo com o IBGE, o IPCA registrou alta de 0,64% no mês de setembro. No 3° trimestre houve elevação em 1,24% e no ano o índice aponta alta de 1,34%. O resultado acumulado em 12 meses é de alta em 3,14% e o boletim Focus da última segunda-feira (05/10) mostra que a mediana…