Novos tempos para o comércio


Flávio Calife/Izabel Faez

O ano de 2015 apresentou um resultado ruim para o comércio, o pior desde o início da série histórica em 2010, com queda de 3,1%. O movimento do setor, segundo o indicador da Boa Vista SCPC, já se encontra em território negativo desde julho de 2015, e as perspectivas para 2016 não são das melhores. Cenário desafiador para um setor acostumado com grandes ganhos.

O resultado dos primeiros meses de 2016 não nega o esperado. O movimento do comércio subiu 0,3% em fevereiro de 2016, mas na variação acumulada em 12 meses a queda foi de 4%, novo recorde negativo da série.

É evidente que o cenário continua preocupante para o varejo. Comparando fevereiro de 2016 com o mesmo mês do ano anterior, o recuo das vendas foi de 6,7%. E no primeiro bimestre do ano o setor já acumula queda de 7,6%. Sem perspectiva de melhora no curto prazo, a tendência se mantém. 2016 dificilmente não será um ano de perdas.

Alta nos preços, elevadas taxas de juros e aumento do desemprego fazem com que o consumidor reduza os gastos. A confiança diminui e se reflete na baixa demanda por crédito. As quedas mais acentuadas aconteceram no setor de bens duráveis, o mais dependente do crédito: móveis e eletrodomésticos caíram 15,7% em comparação ao mesmo mês do ano anterior, 14,1% no bimestre e acumulam perda de 6,7% em 12 meses. O setor de vestuário também apresentou uma queda mais elevada quando comparado aos outros.

Os setores do varejo mais dependentes da renda e menos do crédito registraram quedas mais leves. Supermercados caíram 5,1% no bimestre contra o mesmo período do ano anterior, enquanto combustíveis e lubrificantes perderam 3,4%. É importante notar que todos os setores do varejo apresentaram queda. O varejo se prepara para a nova realidade e espera por dias melhores.

Comentários

comentários

Posts relacionados

Inadimplência do consumidor cai 2,4% em novembro

A inadimplência do consumidor caiu 2,4% em novembro na avaliação mensal com ajuste sazonal, de acordo com dados nacionais da Boa Vista SCPC. Já nos valores acumulados em 12 meses (dezembro de 2016 até novembro de 2017 frente aos 12 meses antecedentes) houve retração 3,5%. Quando comparado o resultado contra o mesmo mês de 2016,…

Produção Industrial registra crescimento de 0,2% em outubro e 1,5% em 12 meses

Dados divulgados hoje pelo IBGE revelam que a Pesquisa Industrial Mensal (PIM) registrou crescimento de 0,2% em outubro, considerando a comparação mensal (série com ajuste sazonal). Considerando os últimos 12 meses, a recuperação ganhou mais consistência, uma vez que sua leitura foi de 0,4% para 1,5% entre os meses de setembro e outubro. Na comparação…

Cresce fatia dos que utilizarão o 13º salário para pagar contas de início de ano e poupar

  Dos mais de mil entrevistados pela Boa Vista SCPC, em sua pesquisa online sobre hábitos de consumo para o Natal e Fim de Ano, 75% dos respondentes afirmaram que receberão o 13º salário. Destes, 37% disseram que utilizarão a renda extra para quitar dívidas, o que representa uma queda de 19 pontos percentuais (p.p.)…