Em parceria com o Mercado Pago, Boa Vista contribui para que empresas encontrem alternativas para receber e impulsionar vendas

Além da parceria com o Mercado Livre, a Boa Vista acaba de fechar uma outra, tão importante quanto, com o Mercado Pago. Por meio dela, pequenas, médias e grandes empresas encontram uma alternativa viável de geração de fluxo e caixa, em resposta aos impactos financeiros causados pelas medidas restritivas de combate ao Covid-19.

Desde que as lojas físicas foram obrigadas a fechar as portas, para ajudar no isolamento social, muitos clientes da Boa Vista demonstraram preocupação em como manter as suas operações. Foi para apoiá-los neste momento delicado, e sem exigir contrapartida financeira, que se colocou como intermediária entre eles e o Mercado Pago, para que passem a usar os meios de pagamento online.

O link de pagamento do Mercado Pago é uma tecnologia que permite fazer vendas pelas redes sociais, WhatsApp, SMS ou e-mail. Ele é um link que o empresário pode enviar com o valor total da compra para que seu cliente realize o pagamento de forma segura e simples, com o cartão de crédito, sua conta do Mercado Pago ou pelo boleto – tudo isso sem que o comprador precise ter o aplicativo ou uma conta do Mercado Pago. Como tudo é feito de modo digital, os pagamentos podem ser feitos à distância, dispensando contato físico ou deslocamento.

Outra vantagem deste meio de pagamento é que nele o próprio comprador insere os seus dados e escolhe como pagar, garantindo mais segurança às transações. Essa solução pode ser utilizada em diversas situações para manter o negócio funcionando neste período de distanciamento social. É possível também ter o saldo liberado na hora, inclusive em vendas parceladas. E a tarifa é ajusta de acordo com o prazo de recebimento selecionado.

É também para quem vende por delivery, principalmente restaurantes e outros fornecedores de alimentos, que apesar estar em alta exigem segurança nesse tipo de contato entre entregador e cliente. Para isso, o comerciante pode enviar o link de pagamento para seus clientes e o entregador só deixa os produtos, sem nenhum tipo de contato, já sabendo que o pagamento foi efetuado.

Segundo Lola de Oliveira, diretora de Marketing da Boa Vista, a companhia, que vem sempre apoiando o pequeno empresário nas suas operações, está empenhada em encontrar alternativas para combater os efeitos da pandemia na economia brasileira. Por isso, buscou essa parceria com o Mercado Pago, para que vendedores online e offline recebam o valor de suas transações na conta do Mercado Pago, com eficiência e praticidade.

Sobre o Mercado Pago

Mercado Pago é a fintech do Mercado Livre, que conecta compradores e vendedores, contribuindo para a inclusão financeira e fomentando o poder de empreender na América Latina. A plataforma oferece uma solução completa de tecnologia financeira, com carteira digital, conta gratuita com remuneração diária, oferta de crédito, serviços de pagamento online e checkout, além da linha de máquinas de cartão Point.

A fintech também está presente em milhares de pontos de venda físicos com seu Código QR, solução de pagamento instantâneo. Atuando desde 2004, o Mercado Pago está presente em sete países – Argentina, Brasil, Chile, Colômbia, México, Peru e Uruguai – e contabiliza mais de 40 milhões de pagantes únicos.


Buscar por período:

TAGS

Posts relacionados

Reabertura com crédito

A flexibilização do comércio em diferentes regiões do Brasil traz incertezas na decisão de concessão de crédito. Diante deste cenário, a Boa Vista identificou um movimento de aceleração da adoção ao Cadastro Positivo pelas pequenas, médias e grandes empresas. Desde o início da pandemia, já somam mais de um milhão de consultas às soluções da…

IPCA avança 0,36% em julho, sendo o maior resultado para um mês de julho desde 2016

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) avançou 0,36% no mês de julho. No acumulado em 12 meses houve evolução para 2,31%, 0,18 p.p. acima da variação observada em junho.  Com esse resultado, o indicador acumulou alta de 0,46% no ano. O grupo Transportes (0,78%) foi o que registrou maior impacto positivo sobre o…

Pedidos de falência recuam 12,6% em julho

Os pedidos de falência caíram 12,6% em julho, na comparação com junho, segundo dados com abrangência nacional da Boa Vista. Mantida a base de comparação, os pedidos de recuperação judicial e as recuperações judiciais deferidas diminuíram 37,6% e 37,9%, respectivamente. Por outro lado, as falências decretadas registraram alta de 16,8% na variação mensal. Na análise…