Vendas no Dia dos Namorados crescem 0,8% em 2014, diz Boa Vista SCPC

Data também pode ter sido influenciada pela abertura da Copa no país; em 2013 a alta foi de 3,5%

As vendas do comércio para o Dia dos Namorados em 2014 cresceram 0,8%, comparadas a 2013, de acordo com dados nacionais da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito).

Em 2013, as vendas no comércio superaram em 3,5% o desempenho verificado no mesmo período de 2012.

Este pequeno crescimento das vendas nesta data segue a tendência do movimento do varejo no ano. Este desempenho também pode ter sido influenciado pela coincidência com a abertura da Copa do Mundo no país.

O cálculo do volume de vendas para o Dia dos Namorados de 2014 é baseado em uma amostra das consultas realizadas no banco de dados da Boa Vista SCPC, com abrangência nacional. Para este Dia dos Namorados foram consideradas as consultas realizadas no período de 1º a 12 de junho de 2014, comparadas às consultas realizadas de 1º a 12 de junho de 2013.

Comentários

comentários

Posts relacionados

Número de novas empresas sobe 13,6% em 2017

Em 2017 o número de novas empresas cresceu 13,6% em relação ao ano anterior, segundo levantamento da Boa Vista SCPC, com abrangência nacional. Contudo, no 4º trimestre de 2017 o número de novas empresas caiu 2,2% em relação ao 3° trimestre.                            …

Movimento do Comércio sobe 1,5% em 2017

O Indicador Movimento do Comércio, que acompanha o desempenho das vendas no varejo em todo o Brasil, subiu 1,5% em 2017, de acordo com os dados apurados pela Boa Vista SCPC. Na comparação mensal com ajuste sazonal, foi observado crescimento de 1,1% em dezembro frente a novembro. Já na avaliação contra dezembro do ano anterior,…

Recuperação de crédito cai 0,4% em 2017

O indicador de recuperação de crédito – obtido a partir da quantidade de exclusões dos registros de inadimplentes da base da Boa Vista SCPC – apontou queda de 0,4% em 2017. Já na análise mensal, houve avanço de 7,1% na variação contra novembro, considerando os dados dessazonalizados. Na comparação com o mesmo mês de 2016…