Perdeu documentos ou cheques no Carnaval? Saiba o que fazer

É comum, durante o período de Carnaval, perda, furto, roubo ou extravio de carteira de identidade, de motorista, CPF, cheques e outros documentos. Quem vivenciou essa situação precisa tomar algumas atitudes para evitar fraudes ou golpes em seu nome.

A primeira providência é registrar Boletim de Ocorrência na delegacia mais próxima. Mas só isso não basta. É importantíssima a inclusão do desaparecimento no “SOS Cheques e Documentos”, um serviço da Boa Vista SCPC que informa ao mercado de que há algo de errado naquela documentação.

Para fazer o registro é bem simples e gratuito. Basta acessar o site Consumidor Positivo (www.consumidorpositivo.com.br), da Boa Vista SCPC, e, após realizar o cadastro, informar quais documentos estão desaparecidos.

As informações ficam disponíveis no “SOS Cheques e Documentos” por cinco anos e o próprio cidadão pode fazer o pedido de exclusão a qualquer momento. Se quiser continuar com o aviso de extravio após os cinco anos, precisará fazer novo pedido e apresentar Boletim de Ocorrência.

Como funciona

Uma vez registrado o desaparecimento no “SOS Cheques e Documentos” da Boa Vista SCPC, cada vez que um lojista consultar o número do CPF um alerta é disparado com a informação de que a documentação foi roubada, furtada, extraviada ou perdida. Isso evita que o nome do cidadão seja usado indevidamente para golpes.

Comentários

comentários

Posts relacionados

Consumidores dizem que gastarão menos neste Natal, mas valor médio dos gastos será 4,5% maior

14 de dezembro de 2018 – 72% dos consumidores disseram que gastarão menos dinheiro neste Natal e Fim de Ano, em relação ao ano passado, quando 75% tinham esta intenção. 11%, por sua vez, afirmaram que irão gastar mais, contra 9% em 2017. Por outro lado, o valor médio previsto com todos os gastos, por…

Vendas no varejo caem 0,4% em outubro

De acordo com a Pesquisa Mensal do Comércio (PMC) divulgada pelo IBGE hoje, o volume de vendas no Varejo restrito caiu 0,4% em outubro na comparação mensal com ajuste sazonal. No acumulado em 12 meses o indicador cresceu 2,7%. No acumulado do ano a evolução foi de 2,2% em relação a 2017. Avaliando as séries…

Boa Vista: PMC de outubro evidencia crise das grandes livrarias

Por trás da queda de 0,4% das vendas do varejo de outubro – após recuo de 1,3% em setembro, já descontados os efeitos sazonais –, há, de um lado, fatores pontuais, como os preços elevados dos combustíveis – que derrubaram novamente as vendas do setor – e a crise no ramo de livrarias, com fechamento…