Sete dicas para usar bem o cartão de crédito

O cartão de crédito é, entre os meios de pagamentos, o mais utilizado pelo consumidor quando se pretende financiar uma compra, conforme mencionado por 49% dos entrevistados na Pesquisa Perfil do Consumidor – 1º Semestre de 2018, da Boa Vista SCPC.

Um dos cuidados que o consumidor precisa ter ao utilizar o crédito rotativo, aquele valor não pago da fatura mensalmente e que tem os maiores juros do mercado, é com o saldo que sobrará para o mês seguinte, que será somado às novas despesas. E, se o mínimo da fatura não for pago no vencimento, haverá a cobrança de juros e multa.

Para ajudar nesta tarefa, a área de Serviços ao Consumidor da Boa Vista SCPC preparou as dicas abaixo, que podem fazer toda a diferença ao usar esse meio de pagamento que é muito prático e útil.

1- Procure sempre que possível pagar o valor total da fatura
Essa é a primeira dica para evitar sobrecarregar o orçamento. Os juros do rotativo do cartão estão entre os mais altos das diferentes linhas de financiamento disponíveis aos consumidores.

2- Organize-se para pagar em dia a sua fatura
Deixar para pagar o valor total da fatura ou o limite mínimo após o vencimento não é uma boa solução, já que começam a incidir juros e multa. O atraso por mais de 30 dias irá aumentar ainda mais a dívida.

3- Está usando o crédito rotativo?
Há formas de se reorganizar financeiramente, entre elas, optar por linhas de crédito com juros menores, como as que os bancos são obrigados a oferecer, desde que houve a mudança da regra do uso do rotativo do cartão de crédito. Ou ainda o empréstimo pessoal e até mesmo o parcelamento do saldo que é ofertado pela própria instituição financeira que detém o cartão. Opte rapidamente por uma destas alternativas, evitando assim que a dívida cresça muito.

4- Evite gastos desnecessários
Enquanto estiver comprometido com o pagamento de dívidas, vencidas ou não, evite realizar compras por impulso ou gastos supérfluos. Utilize o cartão de crédito de forma consciente.

5- Saiba usufruir dos benefícios do cartão de crédito
O cartão de crédito é uma boa forma de pagamento para quem tem um excelente controle financeiro. Pagando com ele é possível aplicar o dinheiro que seria usado nas compras à vista tendo um lucro extra. Ele também possibilita o acúmulo de pontos que podem ser trocados por produtos, serviços e passagens aéreas.

6- Tenha conhecimento dos seus gastos com o cartão de crédito
Acompanhar mensalmente os seus gastos com o cartão, quais produtos ou serviços foram adquiridos por meio dele, saber por quanto tempo terá esse compromisso, evitará surpresas no momento de pagar a fatura.

7- Dívidas do cartão prescrevem?
Não prescrevem nem caducam. Se os valores não forem pagos o nome do devedor poderá ser informado para as empresas de proteção ao crédito, onde poderá permanecer por cinco anos, conforme determina o Código de Defesa do Consumidor. Depois desse tempo o nome fica limpo, contudo, a dívida continua existindo e poderá ser cobrada pelo credor ou ser vendida a uma empresa especializada em cobrança.

Organizar-se financeiramente é possível, mas é necessário ter muita disciplina e anotar gasto por gasto numa planilha mensal. “No site www.consumidorpositivo.com.br, da Boa Vista, é fácil encontrar dicas de como fazer um orçamento doméstico e, inclusive, há uma sugestão de planilha, que é uma forma simples de controlar e acompanhar as despesas da família e o que entra e sai de dinheiro todo mês”, destaca Pablo Nemirovsky, superintendente de Serviços ao Consumidor da Boa Vista. Organizando o orçamento doméstico é possível saber quanto de dinheiro se tem mensalmente para pagar a dívida já existente com o cartão e planejar os demais gastos.


Buscar por período:

TAGS

Posts relacionados

Reabertura com crédito

A flexibilização do comércio em diferentes regiões do Brasil traz incertezas na decisão de concessão de crédito. Diante deste cenário, a Boa Vista identificou um movimento de aceleração da adoção ao Cadastro Positivo pelas pequenas, médias e grandes empresas. Desde o início da pandemia, já somam mais de um milhão de consultas às soluções da…

IPCA avança 0,36% em julho, sendo o maior resultado para um mês de julho desde 2016

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) avançou 0,36% no mês de julho. No acumulado em 12 meses houve evolução para 2,31%, 0,18 p.p. acima da variação observada em junho.  Com esse resultado, o indicador acumulou alta de 0,46% no ano. O grupo Transportes (0,78%) foi o que registrou maior impacto positivo sobre o…

Pedidos de falência recuam 12,6% em julho

Os pedidos de falência caíram 12,6% em julho, na comparação com junho, segundo dados com abrangência nacional da Boa Vista. Mantida a base de comparação, os pedidos de recuperação judicial e as recuperações judiciais deferidas diminuíram 37,6% e 37,9%, respectivamente. Por outro lado, as falências decretadas registraram alta de 16,8% na variação mensal. Na análise…