Confiança da indústria avança em janeiro puxada pela melhora nas expectativas

Segundo a Fundação Getúlio Vargas (FGV), o Índice de Confiança da Indústria (ICI) ficou em 100,9 pontos em janeiro, avançando 1,5% em relação ao mês anterior, na série livre de influências sazonais. Já em relação a janeiro do ano passado, o indicador subiu 3,3%.

Analisando os indicadores que compõem o ICI, observa-se alta no Índice de Situação Atual (ISA), que avançou 0,1% no mês, enquanto o Índice de Expectativas (IE) também subiu, com variação mensal de 2,8% em relação a dezembro. Na comparação com janeiro de 2018, o ISA subiu 3,9% e o IE diminuiu 2%.

Após um período de estabilidade em setembro seguida de uma piora em outubro, a confiança da indústria mantém uma tendência de crescimento em janeiro, atingindo o maior nível desde março de 2018, evidenciando um aumento das expectativas dos empresários apesar da insatisfação com a demanda atual. Observou-se que o avanço na confiança foi bastante disseminado entre os setores, sugerindo a possibilidade de uma melhora no primeiro semestre do ano.

Os indicadores de confiança mostram um sinal gradual de recuperação, porém em patamares historicamente baixos, resultado da lenta recuperação da atividade econômica.

O Nível de Utilização da Capacidade Instalada (NUCI) avançou em janeiro, atingindo 75,7% na série livre de efeitos sazonais.

Diante do nível baixo de utilização da capacidade instalada, apesar do otimismo em relação aos próximos meses, segue baixa a expectativa de investimentos e geração de empregos na indústria, que continua perdendo relevância na economia brasileira. 


Buscar por período:

TAGS

Posts relacionados

Estatísticas monetárias e de crédito: Queda na inadimplência, na taxa de juros e no spread em agosto

O Banco Central divulgou as Estatísticas monetárias e de crédito em relação ao mês de agosto. O estoque total de empréstimos e financiamentos do país aumentou 1,9% em relação a julho, alcançando a marca de R$ 3.736,5 bilhões. Na comparação com agosto do ano passado, o saldo apresentou crescimento de 12,1%. Considerando a origem dos…

Confiança da indústria recupera toda perda acumulada em março-abril e atinge o maior nível desde janeiro de 2013

Segundo a Fundação Getúlio Vargas (FGV), o Índice de Confiança da Indústria (ICI) ficou em 106,7 pontos em setembro, avançando 8,1% em relação ao mês anterior, na série livre de influências sazonais. Já em relação a setembro do ano passado, o indicador avançou 10,9%. Com este resultado, o indicador atinge seu maior nível desde janeiro…

Banco Central revê projeções de Atividade e Crédito após período agudo da crise

O Banco Central divulgou hoje o Relatório de Inflação referente ao 2º trimestre do ano. Dentre os destaques, as expectativas em relação à Atividade e ao Crédito foram revisadas para cima.   Atividade   Em relação à Atividade, o Banco Central destacou que, após o período mais dramático da crise provocada pela pandemia e, consequentemente, da abrupta queda registrada nos…