Nota de crédito do BC: saldo retoma aceleração após 12 meses

Por Yan Cattani, economista da Área de Indicadores e Estudos Econômicos da Boa Vista SCPC  

Segundo o Banco Central, o estoque total de empréstimos e financiamentos foi de R$ 2.900,7 bilhões em setembro de 2014 após elevação 11,7% na comparação com o mesmo mês de 2013. O destaque ficou para a retomada de aceleração no saldo, que nos últimos 12 meses apresentou gradual desaceleração. Com este resultado, a relação crédito/PIB passa-se de 56,7% em agosto para 57,2% em setembro.

As concessões totais de crédito atingiram R$ 328 bilhões no mês, tendo registrado alta de 7,5% em setembro na comparação com agosto. No acumulado em 12 meses, as concessões cresceram 7,0%, desacelerando, portanto, quando comparado ao mês anterior, quando obteve alta de 7,4%, no mesmo tipo de análise.

Quadro 1: Saldo e Concessão

Saldo de Crédito

Concessão de Crédito

R$ Bilhões

MoM

12 Meses

R$ Bilhões

MoM

12 Meses

Crédito total

2.900,7

0,9%

11,7%

Concessão de crédito total

328,0

7,5%

7,0%

Recursos livres

1.534,3

0,7%

4,8%

Recursos livres

278,5

7,4%

6,8%

Pessoa Física

767,8

0,6%

5,1%

Pessoa Física

147,1

4,8%

11,6%

Pessoa Jurídica

766,5

0,9%

4,4%

Pessoa Jurídica

131,4

10,4%

1,9%

Recursos direcionados

1366,4

2,0%

20,6%

Recursos direcionados

49,6

8,1%

8,2%

Pessoa Física

592,7

1,4%

26,1%

Pessoa Física

22,6

6,0%

13,0%

Pessoa Jurídica

773,7

2,4%

16,8%

Pessoa Jurídica

27,0

9,9%

4,6%

 

A inadimplência do sistema financeiro registrou leve queda, passando de 3,1% para 3,0% em setembro. Nas operações com recursos livres, a inadimplência se manteve em 5,0%, enquanto nas operações com recursos ela foi de 0,9% após queda de 0,2 p.p. no período. Já a inadimplência das famílias com recursos livres permaneceu em 6,6%.

A taxa média de juros das operações de crédito do sistema financeiro foi de 21,0% em setembro, tendo registrado leve queda de 0,1 p.p. na comparação mensal e elevação de 1,5 p.p. em 12 meses.

 

 

 

 

Quadro 2:  Inadimplência, taxa de juros, spread e prazo

 

Inadimplência (%)

Taxa de Juros (%)

Spread (%)

Prazo Médio (Meses)

Total

3,0

21,0

12,7

104,6

Recursos livres

5,0

31,9

20,9

39,6

Pessoa Física

6,6

42,8

31,2

47,9

Pessoa Jurídica

3,6

22,8

12,3

32,5

Recursos direcionados

0,9

8,1

3,0

164,9

Pessoa Física

1,6

7,9

2,8

245,8

Pessoa Jurídica

0,5

8,3

3,2

105,7

 


Buscar por período:

TAGS

Posts relacionados

Inadimplência do consumidor cai 1% em novembro, segundo a Boa Vista

De acordo com dados nacionais da Boa Vista, a inadimplência do consumidor recuou 1% em novembro na comparação com outubro, já descontados os efeitos sazonais. Em relação a novembro do ano passado, o indicador subiu 0,6%. Com isto, ele acumula queda de 2,7% no ano e no acumulado 12 meses (dezembro de 2018 até novembro…

Pedidos de falência caem 25,7% em novembro

Os pedidos de falência caíram 25,7% em relação a outubro, segundo dados com abrangência nacional da Boa Vista. Já as falências decretadas recuaram 10,9% na variação mensal, enquanto os pedidos de recuperação judicial e as recuperações judiciais deferidas diminuíram 43,9% e 34,5%, respectivamente. No acumulado em 12 meses (dezembro de 2018 até novembro de 2019…

Produção Industrial avança pelo terceiro mês consecutivo

Dados divulgados hoje pelo IBGE revelam que a Pesquisa Industrial Mensal – Produção Física (PIM-PF) avançou 0,8% em outubro, na comparação mensal ajustada sazonalmente. Já referente ao acumulado dos últimos doze meses, a atividade industrial recuou 1,3%. No acumulado de 2019, o setor também registrou queda de 1,1% em relação ao mesmo período do ano…