Volume de serviços recua 1,0% em agosto e 4,5% no acumulado 12 meses

Segundo a Pesquisa Mensal de Serviços (PMS) do IBGE, o volume de serviços apresentou queda de 1,0% em agosto contra o mês anterior (dados dessazonalizados). A categoria de serviços prestados às famílias foi a única a apresentar queda (-4,8%), bastante atípica para o mês considerando o histórico da série. Os demais grupos apresentaram crescimento: Serviços profissionais, administrativos e complementares (1,6%); Outros Serviços (1,0%); Transportes, serviços auxiliares dos transportes e correio (0,7%) e Serviços de informação e comunicação (0,3%).

xddddxxxx

Segundo o IBGE, quando considerado os resultados regionais, as principais retrações foram observadas nos seguintes estados: Alagoas (-5,9%), Paraíba (-3,6%) e Amazonas (-2,9%). Em sentido oposto, os destaques positivos foram: Roraima (9,8%), Bahia (3,8%) e Piauí (3,5%).

xddddxxxx

 

Considerando a variação acumulada em 12 meses, a leitura de agosto apontou um recuo de 4,5%, revelando portando uma ligeira desaceleração do ritmo de queda nos últimos meses, não havendo alterações significativas na curva desde março de 2016.

Por fim, considerando também o baixo crescimento da receita nominal, de 0,7% (analisados pela variação acumulada em 12 meses), o setor de serviços ainda se mostra bastante debilitado, adiando novamente uma retomada mais pujante, a exemplo dos demais setores econômicos.

As tabelas abaixo apresentam os principais números da PMS de agosto.

xxxxx

Posts relacionados

Movimento do Comércio sobe 0,4% em outubro

O Indicador Movimento do Comércio, que acompanha o desempenho das vendas no varejo em todo o Brasil, subiu 0,4% em outubro quando comparado a setembro na análise com ajuste sazonal, de acordo com os dados apurados pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). Na avaliação acumulada em 12 meses (novembro de 2016…

34% dos consumidores dizem não ter controle dos ganhos e gastos

Para investigar os hábitos sobre controle orçamentário e fontes de informações sobre o tema, a Boa Vista SCPC realizou uma pesquisa inédita com aproximadamente 1200 consumidores, de todo o Brasil, e constatou que 34% dos entrevistados não controlam o quanto ganham e gastam no mês. Realizada entre os meses de maio e julho, a pesquisa…

Percentual de cheques devolvidos atinge 1,70% em outubro

O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos) como proporção do total de cheques movimentados[1] foi de 1,70% em outubro, registrando considerável redução em relação ao mesmo mês do ano anterior (-0,76 p.p.). Na comparação mensal, o percentual de cheques devolvidos sobre movimentados diminuiu frente ao mês de setembro (quando o nível…