Brasil e Mercados:


No Brasil, a expectativa sobre o volume expedido de papel ondulado tem se renovado para cima mês a mês. Antes, o setor previa um crescimento de 4% a 4,5% num cenário moderado que conta com uma alta de 3% a 3,5% no PIB. Agora, o setor estima que a expansão possa superar a casa de 7% no ano. No ano, o segmento já acumula alta de 10%.


Nos EUA, o pacote de estímulos à economia recuou de US$ 2,3 trilhões para US$ 1,7 trilhão.


As projeções de crescimento para a economia brasileira em 2021 continuam subindo. Relatório Focus divulgado agora pelo Banco Central mostra que as previsões de crescimento para o PIB passaram de 3,45% na semana passada para 3,52%. Para o IPCA as projeções também continuam aumentando, de 5,15% para 5,24% hoje. Expectativas para o dólar e Selic permanecem estáveis para o ano , em R$ 5,30 e 5,50% respectivamente.


Os mercados acionários europeus e futuros de NY operam em alta nessa manhã.


Por aqui, o dólar abre em alta de 0,35%, a R$ 5,3713 e o Ibovespa em alta de 0,11%.



Crédito e Consumo:


A reabertura do comércio deu sinais de melhora no mês de maio e as lojas físicas voltaram a ter relevância, sobretudo, em relação à bens duráveis e vestuário, um dos segmentos mais impactados pela crise. Os dados inicias da Abrasce são comparados ao mês de abril, não ao mês de maio do ano passado, e sugerem uma recuperação desigual, concentrada nas grandes redes. O varejo de rua, por sua vez, caminha no mesmo sentido, mas, devagar.


Outros fatores apontados como positivos foram o retorno do auxílio emergencial, mesmo num valor menor, e a antecipação do 13º salário de aposentados. A vacinação, se ganhar força, pode contribuir ainda mais nesse processo de retomada.


As varejistas, por sinal, estão revendo as condições de pagamento e concedendo maiores prazos a fim de alinhar a parcela ao poder de compra do consumidor, já impactado pela inflação. No varejo eletrônico, por exemplo, a rede Novo Mundo tem possibilitado o aumento no número de parcelas, de 18 para 24, para clientes fiéis e com bom histórico de pagamentos. As condições para novos clientes, contudo, são mais rígidas para mitigar os riscos.


O tráfego de veículos nas rodovias administradas pela CCR subiu 29% de 14 a 20 de maio, na comparação com o mesmo período do ano passado.



Empresas:


Em movimento que surpreendeu o mercado, a Marfrig comprou 24,23% em ações da BRF, mas diz que será um investidor passivo. Não pretende eleger membros para a administração da companhia, exercer influência sobre as atividades ou promover alterações no controle ou na estrutura administrativa da companhia. O comunicado mostra a preocupação da empresa com a fiscalização do Cade.


A Marisa Lojas reformulou sua área de serviços financeiros e criou o MBank Marisa. Segundo a varejista a mudança envolverá uma revisão completa do portfólio de produtos oferecidos, digitalização e criação de uma carteira digital.


Pouco mais de um ano de negociações, a Paranapanema, fabricante de produtos de cobre, conseguiu renegociar um passivo de curto prazo no valor de US$ 491 milhões e poderá pagá-lo em 7 anos, numa condição mais adequada à sua capacidade de geração de caixa atual.



Resumo de Indicadores








INDICADORES ECONÔMICOS