[PROJEÇÃO] Vendas do Dia das Crianças devem crescer mais do que 2% neste ano

A área de Indicadores e Estudos Econômicos da Boa Vista projeta um crescimento de pelo menos 2% das vendas neste Dia das Crianças, na comparação com 2018. Com isto, o movimento do comércio na data deve registrar aumento próximo ao do ano passado, quando a alta foi de 2,2% em relação ao ano anterior.

A projeção é baseada nas consultas realizadas ao banco de dados da Boa Vista, o SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), e na Pesquisa Hábitos de Consumo para o Dia das Crianças, também da Boa Vista, que mostra queda da intenção de compras, mas aumento do valor médio do presente em termos reais na comparação com 2018.

A se confirmar a projeção dos economistas, o Dia das Crianças deve registrar o maior crescimento do ano na comparação com as demais datas comemorativas até agora. Além disto, a data comemorativa será a primeira a registrar alta das vendas próxima à do ano passado. Até o momento, todas as datas (Dia das Mães, Dia dos Namorados, Dia dos Pais) registraram aumento das vendas em 2019 inferior ao observado no mesmo período de 2018.

Segundo os economistas da Boa Vista, o desempenho das vendas do Dia das Crianças deve acompanhar a trajetória de aceleração do ritmo de crescimento do varejo, impulsionada pela recuperação gradual do mercado de trabalho, pelo aumento da confiança, pela expansão das concessões de crédito e pela liberação dos recursos do FGTS.

Por outro lado, eles ainda apontam o elevado nível de desocupação e subutilização da mão de obra e o aumento do endividamento e do comprometimento de renda como os principais obstáculos para uma retomada mais vigorosa e sustentada das vendas.


Buscar por período:

TAGS

Posts relacionados

Reabertura com crédito

A flexibilização do comércio em diferentes regiões do Brasil traz incertezas na decisão de concessão de crédito. Diante deste cenário, a Boa Vista identificou um movimento de aceleração da adoção ao Cadastro Positivo pelas pequenas, médias e grandes empresas. Desde o início da pandemia, já somam mais de um milhão de consultas às soluções da…

IPCA avança 0,36% em julho, sendo o maior resultado para um mês de julho desde 2016

O Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) avançou 0,36% no mês de julho. No acumulado em 12 meses houve evolução para 2,31%, 0,18 p.p. acima da variação observada em junho.  Com esse resultado, o indicador acumulou alta de 0,46% no ano. O grupo Transportes (0,78%) foi o que registrou maior impacto positivo sobre o…

Pedidos de falência recuam 12,6% em julho

Os pedidos de falência caíram 12,6% em julho, na comparação com junho, segundo dados com abrangência nacional da Boa Vista. Mantida a base de comparação, os pedidos de recuperação judicial e as recuperações judiciais deferidas diminuíram 37,6% e 37,9%, respectivamente. Por outro lado, as falências decretadas registraram alta de 16,8% na variação mensal. Na análise…