IBC-BR: atividade econômica encerra 2014 com queda de 0,2%

Por Yan Cattani e Juliane Reis, da equipe da Boa Vista SCPC

 Segundo o Banco Central, o principal indicador coincidente da atividade econômica, o IBC-BR, apresentou diminuição de 0,2% em 2014. Frente ao resultado observado em novembro, descontado os efeitos sazonais da série, dezembro recuou 0,6%, bastante acima das projeções do mercado, que esperavam queda de 1,2%.

O resultado ocorre após a divulgação dos resultados do mesmo mês de referência da Pesquisa Industrial Mensal, que caiu 2,8%, na comparação mensal da série ajustada sazonalmente, e também da Pesquisa Mensal do Comércio, que indicou queda de 2,6% no volume de vendas do varejo restrito – mantida a base de comparação.

O resultado de 2014 somente deu continuidade ao cenário de debilidade da atividade econômica enfrentado nos últimos dois anos. O valor registrado pelo indicador coincidente do PIB deverá agravar as projeções esperadas para atividade econômica do ano passado, ainda não consolidado, e que atualmente encontram-se próximas de +0,1%. Este prognóstico corrobora as expectativas de piora da atividade agregada em 2015, que dificilmente apresentará crescimento.IBCBR

Posts relacionados

Inadimplência do consumidor cai 0,9% em 2016

A inadimplência do consumidor obteve queda de 0,9% em 2016, de acordo com dados nacionais da Boa Vista SCPC. Na avaliação mensal, descontados efeitos sazonais, houve retração de 7,6% do indicador quando comparado o resultado de dezembro contra novembro. Já na avaliação contra o mesmo mês do ano anterior, dezembro caiu 5,7%.   Regionalmente, na…

Títulos protestados encerram o ano com alta de 22,9%, segundo Boa Vista SCPC

De acordo com os dados da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), o número total de títulos protestados no país aumentou 22,9% no acumulado de 2016 em relação ao ano anterior. Na comparação interanual, os títulos protestados cresceram 6,0% e aumentaram 11,8% em relação ao mês anterior. O valor médio dos títulos…

Pedidos de falência encerram o ano com alta de 12,2%, segundo Boa Vista SCPC

Segundo dados com abrangência nacional da Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito), os pedidos de falência encerraram o ano com alta de 12,2% no acumulado de 2016 em relação ao mesmo período de 2015. Em dezembro, o número de pedidos de falências recuou 7,0% na comparação mensal com novembro e aumentou 19,2%…