Brasileiro ganha disputa para comandar OMC

Por Paulo Rabello de Castro, da RC Consultores

Roberto Azevedo, diplomata de carreira e sediado na OMC, Organização Mundial do Comércio, ganhou ontem a disputa para dirigir a instituição pelos próximos quatro anos. Superou seu contendor, o mexicano Hermínio Blanco, além de outros seis que foram ficando para trás. Roberto Azevedo substituirá o francês Pascal Lamy, que comandava a OMC por dois mandatos, desde 2005. Lamy foi votado pelos países avançados com a missão de concluir a rodada de Doha, mas não teve sucesso. A crise de 2008 aprofundou a crise interna na OMC, enquanto os principais países passaram a buscar acordos comerciais bilaterais ou regionais.

O desafio principal de Azevedo é o de construir uma agenda global num mundo que procura agora parcerias especificas, de âmbito mais restrito. Exemplos: a Parceria TransPacífico, que os EUA lideram, procurando envolver comercialmente os aliados em torno daquele oceano, como Japão, Austrália, Coreia do Sul e alguns dos nossos vizinhos, Peru, Colômbia e Chile; e agora, se fala da Parceria Transatlântica de Comércio e Investimentos (TTIP em inglês), reunindo a Europa e aproximando a África. A próxima grande reunião da OMC será em dezembro, em Bali, onde a habilidade do novo diretor geral de “construir pontes” – dito por ele –  entre as grandes potências, os BRICs (que o apoiam no momento) e países pequenos será posta a uma dura prova.

Ed.180

Comentários

comentários

Posts relacionados

Fazer parte do Cadastro Positivo passa a ser fundamental para o consumidor, afirma Boa Vista SCPC

Se por um lado a aprovação da Medida Provisória que tornará automática a adesão dos consumidores brasileiros ao banco de dados de bons pagadores, em virtude da alteração na Lei 12.414/2011 está, por tempo indeterminado, pendente em Brasília, por outro, passa a ser cada vez mais contundente a responsabilidade de o consumidor conhecer e entender…

Percentual de cheques devolvidos atinge 2,11% em maio, segundo Boa Vista SCPC

O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos) como proporção do total de cheques movimentados[1] atingiu 2,11% em maio, registrando uma diminuição em relação ao mesmo mês do ano anterior, quando alcançou 2,33%. Na comparação mensal, o percentual de cheques devolvidos sobre movimentados obteve leve aumento (em abril o nível foi de…

Movimento do Comércio sobe 2,7% em maio, diz Boa Vista SCPC

Informações do varejo apuradas pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito) apontam que o Movimento do Comércio subiu 2,7% em maio, considerando os dados mensais com ajuste sazonal. Na avaliação acumulada em 12 meses (junho de 2016 até maio de 2017 frente ao mesmo período do ano anterior) houve queda de 3,0%…