Déficit público sobe com aumento de gastos

Por José Valter Martins de Almeida, da RC Consultores

O déficit público nominal nos últimos doze meses encerrados em abril ficou em R$ 132,2 bilhões. Esse valor é a diferença entre a conta de juros que ficou em R$ 218 bilhões e o superávit primário de R$ 82,8 bilhões. É o segundo pior resultado da série estatística do Banco Central.

A deterioração das contas do setor público observada neste ano é negativa para um cenário de crescimento. As despesas correntes do governo continuam crescendo bem acima do PIB. O superávit primário menor também contribuiu para interromper o processo de queda da dívida líquida do setor público. O BC estima que o indicador tenha fechado maio de 2013 com novo recorde de baixa.

Ed.197

Comentários

comentários