Produção de autos deve cair 3% em 2012

Fabio Silveira, da RC Consultores

No período de Janeiro a Julho de 2012, a produção brasileira de veículos recuou 8,5% em comparação a igual período do ano passado. Tal redução deveu-se fundamentalmente à  elevação do endividamento e da inadimplência do consumidor no mercado doméstico, à  pressão dos importados e à  retração das exportações.

Estima-se que o processo atual de enfraquecimento desta indústria comece a ser revertido no 2º Semestre de 2012, por conta da: a) reativação induzida pela queda dos juros iniciada em Agosto de 2011; b) desvalorização da taxa cambial observada no 1º Semestre de 2012; e c) desoneração tributária adotada em passado recente (diminuição de IPI, encargos sobre folha de pagamentos e IOF). De todo o modo, neste ano, a produção nacional de autos deverá declinar 3% em relação a 2011, situando-se em 3,31 milhões de unidades. Espera-se por recuperação somente em 2013. Ainda assim, modesta, quando prevê-se aumento da ordem de 3,2%.

Ed.13

Comentários

comentários