Varejo perde força até maio e consumidor está menos confiante

Por Paulo Rabello de Castro, da RC Consultores

A locomotiva do PIB nos últimos dois anos tem sido o consumidor. O índice de avanço do varejo, em volume real de vendas, segundo o IBGE, ficou na faixa média de 9%, com uma variação entre 7 e 11% positivos em 2011-12. Trata-se de um resultado impressionante quando se compara com o desempenho sofrível da atividade produtiva industrial. Mas não mais.  Em 12 meses acumulados e encerrados em abril de 2013, o índice fechará abaixo de 7% seguindo uma trajetória descendente, em termos de ritmo, na direção de 5% ao fim deste ano. Neste março, o resultado já foi de apenas 4,4%. Ainda assim, a variação do varejo em 2013 será melhor do que a dos demais setores da economia. Aos poucos, porém, deixa de puxar o índice do PIB na mesma intensidade dos dois anos anteriores.

O comportamento menos eufórico do varejo este ano coincide com o crédito pessoal ainda em franca expansão nos bancos oficiais e a inadimplência sob controle. O avanço do crédito encontra, no entanto, um consumidor menos disposto a ampliar seu endividamento. O ciclo de avanço do crédito parece ter encontrado uma clara linha de resistência. O aumento dos juros pelo Banco Central também conspira contra a repetição do desempenho dos anos anteriores.

Ed.193

 

 

Comentários

comentários

Posts relacionados

Fazer parte do Cadastro Positivo passa a ser fundamental para o consumidor, afirma Boa Vista SCPC

Se por um lado a aprovação da Medida Provisória que tornará automática a adesão dos consumidores brasileiros ao banco de dados de bons pagadores, em virtude da alteração na Lei 12.414/2011 está, por tempo indeterminado, pendente em Brasília, por outro, passa a ser cada vez mais contundente a responsabilidade de o consumidor conhecer e entender…

Percentual de cheques devolvidos atinge 2,11% em maio, segundo Boa Vista SCPC

O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos) como proporção do total de cheques movimentados[1] atingiu 2,11% em maio, registrando uma diminuição em relação ao mesmo mês do ano anterior, quando alcançou 2,33%. Na comparação mensal, o percentual de cheques devolvidos sobre movimentados obteve leve aumento (em abril o nível foi de…

Movimento do Comércio sobe 2,7% em maio, diz Boa Vista SCPC

Informações do varejo apuradas pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito) apontam que o Movimento do Comércio subiu 2,7% em maio, considerando os dados mensais com ajuste sazonal. Na avaliação acumulada em 12 meses (junho de 2016 até maio de 2017 frente ao mesmo período do ano anterior) houve queda de 3,0%…