IBC-BR: Índice de atividade do Banco Central cai 1,5% em junho

Por Yan Cattani, economista da Área de Indicadores e Estudos Econômicos da Boa Vista SCPC  

Segundo o Banco Central, o principal indicador coincidente da atividade econômica, o IBC-BR, registrou queda de 1,5% em junho, na comparação mensal dos dados dessazonalizados. A variação mensal ficou praticamente em linha com as projeções do mercado, que esperava 1,6% de queda.

A queda na margem refle o ritmo letárgico de crescimento da economia, intensificado nos últimos meses. No acumulado em 12 meses o indicador registrou grande desaceleração, passando de 1,9% em maio para 1,5% em junho.

O resultado ocorre após a divulgação da Produção Industrial Mensal (de acordo com a pesquisa, apontou queda de 1,4% na comparação com ajuste sazonal de junho contra maio) e da Pesquisa Mensal do Comércio (que indicou queda de 0,7% nas vendas do varejo restrito, mantida a base de comparação), ambas com perspectivas pessimistas para a atividade econômica.

Com este resultado, a atividade econômica registra no semestre elevação de apenas 0,1% quando comparado ao mesmo período de 2013, algo que provavelmente não será revertido no curto prazo devido à debilidade demonstrada pela indústria – e sua consequente queda de produção prevista para o ano – , arrefecimento dos serviços e comércio e setor primário mais moderado na comparação com ano passado (quando cresceu 7,5%).  Nestas circunstâncias, rebaixamos nossa previsão de crescimento para o PIB, de 0,9% para 0,5%.

ibcbr jun14

 

Posts relacionados

Movimento do Comércio sobe 0,4% em outubro

O Indicador Movimento do Comércio, que acompanha o desempenho das vendas no varejo em todo o Brasil, subiu 0,4% em outubro quando comparado a setembro na análise com ajuste sazonal, de acordo com os dados apurados pela Boa Vista SCPC (Serviço Central de Proteção ao Crédito). Na avaliação acumulada em 12 meses (novembro de 2016…

34% dos consumidores dizem não ter controle dos ganhos e gastos

Para investigar os hábitos sobre controle orçamentário e fontes de informações sobre o tema, a Boa Vista SCPC realizou uma pesquisa inédita com aproximadamente 1200 consumidores, de todo o Brasil, e constatou que 34% dos entrevistados não controlam o quanto ganham e gastam no mês. Realizada entre os meses de maio e julho, a pesquisa…

Percentual de cheques devolvidos atinge 1,70% em outubro

O número de cheques devolvidos (segunda devolução por falta de fundos) como proporção do total de cheques movimentados[1] foi de 1,70% em outubro, registrando considerável redução em relação ao mesmo mês do ano anterior (-0,76 p.p.). Na comparação mensal, o percentual de cheques devolvidos sobre movimentados diminuiu frente ao mês de setembro (quando o nível…