Informe Matinal 28.04.2021

 

Brasil e Mercados

 

A decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que obrigou o governo federal a definir uma quantia a ser paga mensalmente, a partir do ano que vem, a brasileiros em situação de pobreza e extrema pobreza pode ter impacto fiscal de aproximadamente R$ 195,3 bilhões por ano para os cofres da União. Os cálculos do renda mínima foram feitos pelo Ministério da Cidadania e informados ao STF pela Advocacia-Geral da União (AGU). Em documento anexado aos autos do processo, a AGU diz que o efeito cascata no orçamento público pode ser “colossal” caso a parcela seja fixada em meio salário mínimo, hoje equivalente a R$ 522.

 

O Ibre (FGV) acaba de divulgar o Índice de Confiança do Consumidor em 72,5 pontos, que recuperou 44% da forte queda registrada no mês de março. Em abril, a percepção dos consumidores sobre o momento atual ficou estável após atingir o mínimo da série em março enquanto as expectativas tornaram-se menos pessimistas para os próximos meses. O Índice de Confiança do Comércio também foi divulgado, subindo 11,6 pontos em abril, recuperando mais da metade da queda de março, puxado pela expectativa futura, que subiu 17,1 pontos.

 

Às 10h30 sai criação de empregos formais (Caged) total de março. As estimativas do mercado são de uma criação de 143 mil postos formais em março.

 

Mercados europeus operam em alta e Futuros de NY sem direção definida em dia de decisão de política monetária nos Estados Unidos.

Por aqui ontem o Ibovespa fechou em queda de 1% voltando aos 19 mil pontos. Dólar comercial hoje abre em alta de 0,05%, a R$ 5,4551 e Ibovespa futuro em alta de 0,44%.

__

 

Crédito e Consumo

 

Os créditos bancários internacionais para o Brasil diminuíram US$ 22,1 bilhões no ano passado, comparado a um fluxo positivo de US$ 9,5 bilhões em 2019, segundo dados publicados ontem pelo Banco de Compensações Internacionais (BIS). No último trimestre de 2020 os financiamentos externos para o país declinaram US$ 1,1 bilhão, na contramão da expansão global. No total, os financiamentos bancários internacionais cresceram US$ 431 bilhões no quarto trimestre de 2020, numa alta de 6% em relação ao mesmo período de 2019. O volume para as economias emergentes e em desenvolvimento cresceu US$ 34 bilhões, após dois trimestres de declínio. No entanto, a América Latina foi a única região que teve baixa na obtenção de crédito internacional, com menos US$ 8,7 bilhões entre outubro e dezembro.

__

Empresas

 

O Santander Brasil obteve lucro líquido gerencial de R$ 4,012 bilhões no primeiro trimestre de 2021, o que representa alta de 4,1% na comparação com o mesmo período de 2020 e avanço de 1,4% ante o trimestre imediatamente anterior. O resultado é recorde e veio acima das projeções, que apontavam para R$ 3,8 bilhões. O resultado líquido foi impulsionado por um ganho de R$ 1,032 bilhão com reversão de 100% de despesas de amortização de ágio. O lucro societário do Santander ficou em R$ 2,816 bilhões entre janeiro e março, com queda de 25,4% ante igual intervalo de 2020 e de 27% no trimestre. A inadimplência total se manteve em 2,1%, mas a taxa para as pessoas físicas subiu de 3,0% para 3,1%.

 

Empurrada pela participação recorde do varejo, a Caixa Seguridade captou R$ 5 bilhões em sua oferta inicial de ações, concluída ontem. Com isso, tornou-se o segundo maior IPO do ano até agora, atrás da CSN Mineração, que captou R$ 5,2 bilhões em fevereiro. Investidores pessoa física ficaram com 55% da operação.

 

A Itaúsa fechou um contrato para a compra de uma participação na empresa de saneamento Aegea por R$ 1,3 bilhão. A parcela adquirida equivale a 8,53% do capital total e 10,2% do capital votante, conforme divulgado na manhã desta terça-feira pelas duas companhias.

 

A fabricante de alimentos Mondelez registrou crescimento de 30,6% no lucro líquido do primeiro trimestre, para US$ 961 milhões, na comparação anual. A receita da companhia avançou 7,9% no período, para US$ 7,24 bilhões, ante mesmo período de 2020. Por região, a companhia viu a receita crescer em todos os continentes, com exceção da América Latina, onde faturamento recuou 7,9%.

 

O lucro líquido da Alphabet, dona do Google, somou US$ 17,93 bilhões no primeiro trimestre, alta de 162,3% em relação ao mesmo período de 2020. A receita da companhia cresceu 34,4% entre os trimestres, para US$ 16,4 bilhões.

 

A Microsoft registrou um aumento de 43,8% no lucro do terceiro trimestre fiscal (encerrado em março), para US$ 15,46 bilhões. A receita avançou 19,1%, para US$ 41,71 bilhões. Os resultados superaram as expectativas de Wall Street, de acordo com a FactSet. A Microsoft tem visto um crescimento massivo em seus negócios profissionais e de consumo, com pessoas passando mais tempo em casa e com o trabalho remoto e a educação a distância se tornando a regra para muitos. Isso impulsionou a rápida aceitação de seus serviços de computação em nuvem e sobrecarregou as vendas de videogames da empresa.

 

A Cielo divulgou lucro de R$ 135,8 milhões, queda de 18,6% na comparação com o mesmo período do ano anterior. Após o fechamento é a vez da CSN, CSN Mineração, Multiplan e Odontoprev apresentarem seus resultados.

 

Resumo de Indicadores

 

 

INDICADORES ECONÔMICOS

 


Buscar por período:

TAGS

Posts relacionados

Informe Semanal – Fintechs e Bancos Digitais

Bancos Digitais O banco digital C6 Bank, criado em 2018 por ex-sócios do banco BTG pactual, anunciou na última sexta que atingiu a marca de 6 milhões de usuários no Twitter, segundo a empresa: “Do zero aos 6 milhões de C6 Lovers!”. Nubank, o maior banco digital brasileiro, anunciou a ferramenta de transferência de dinheiro…

Informe Matinal – 13.05.2021

  Brasil e Mercados O receio em relação à inflação americana já constava na última ata do Copom divulgada esta semana. Tal receio, em princípio, virou realidade. O índice de preços ao consumidor americano atingiu 4,2% no ano em abril, acima das projeções que apontavam para 3,6%. Isso repercutiu em vários mercados, o dólar subiu,…

BC confirma recuo da atividade econômica e aponta queda de 1,59% em março

Comentários:  • De acordo com o Banco Central, o indicador antecedente da atividade econômica (IBC-BR) recuou 1,59% em março na comparação mensal, de acordo com dados dessazonalizados. Com relação ao mesmo mês do ano passado houve alta de 6,26%. • Na análise do resultado acumulado em 12 meses o indicador apontou desaceleração da queda, passando…