Para BC, atividade econômica ficou estável em agosto

De acordo com o Banco Central, o indicador antecedente da atividade econômica (IBC-BR) variou 0,07% em agosto na comparação mensal, de acordo com dados dessazonalizados. Já referente ao acumulado dos oito primeiros meses do ano, o indicador apontou alta de 0,66% contra o mesmo período do ano passado. Nos últimos 12 meses o IBC-BR acumulou crescimento de 0,87%.

O resultado de agosto, apesar de positivo, indica que o desempenho foi tímido e insuficiente para conter a desaceleração da atividade na análise em 12 meses e no acumulado do ano que vem ocorrendo desde junho. No entanto, segundo as demais pesquisas dos setores de atividade econômica divulgadas pelo IBGE, tal resultado se deu pela alta de 0,8% na Indústria e pelas variações de 0,1% e -0,2% nos setores de Comércio e Serviços, respectivamente.

Com o desempenho de agosto, as últimas divulgações do IBC-BR mostram a dificuldade que os setores estão enfrentando em estabelecer um ritmo claro de recuperação em 2019, dado um cenário onde há sinais de fragilização no mercado trabalho e elevado nível de incerteza. Sendo assim, segundo as projeções reunidas no relatório Focus semanalmente, espera-se que a economia cresça em torno de 0,87% em 2019.

 


Buscar por período:

TAGS

Posts relacionados

black friday

[PESQUISA] 86% dos empresários esperam vendas iguais ou maiores que as do ano passado nesta Black Friday

86% dos empresários brasileiros acreditam que as vendas da Black Friday 2019 serão iguais ou maiores que em 2018, de acordo com pesquisa realizada pela Boa Vista entre agosto e setembro, com mais de 800 empresários de todo o país. Questionados sobre o faturamento com a data em relação ao ano passado, 53% acreditam que…

recuperação de crédito

Recuperação de crédito do consumidor sobe 3% em outubro

O indicador de recuperação de crédito – obtido a partir da quantidade de exclusões dos registros de inadimplentes da base da Boa Vista – registrou avanço de 3% em outubro contra setembro, já descontados os efeitos sazonais. Na comparação com outubro de 2018, houve aumento de 2,9%. No ano, porém, o indicador acumula queda de…

SCPC Comunica: ações de cobrança ganham mais eficiência com o envio de comunicados digitais

Mesmo com a inadimplência do consumidor apresentando queda de 3,0% entre os meses de janeiro a outubro de 2019, na comparação com o mesmo período do ano passado, o não pagamento das dívidas é uma realidade para cerca de 60 milhões de brasileiros, segundo a Boa Vista. E sendo uma empresa que fornece informações com…